Como fica o autocuidado após a maternidade?

Pesquisa aponta que 62% das mães não estão satisfeitas com o tempo que têm para dedicar a si mesmas depois da maternidade

Mães precisam de um tempo sozinhas
Mães precisam de um tempo sozinhas - Shutterstock

por Thaís Lopes Aidar
Publicado em 09/05/2022 às 18:00
Atualizado às 18:00

COMPARTILHEShare to WhatsappShare to FacebookShare to LinkedinShare to TwitterShare to Pinteres

O teste de gravidez positivo é um marco de felicidade na vida da mulher que sonha em ser mãe. Dessa forma, ainda que os 9 meses seguintes possam ser um turbilhão de sentimentos, ver o rostinho do bebê parece compensar todos os perrengues. Mas e depois? O que acontece com a mulher que existia antes de ser mãe? 

Algumas mudanças trazidas pela maternidade são inevitáveis. Ainda assim, existem outras coisas que precisam ser preservadas, como um tempo dedicado ao autocuidado. Segundo um levantamento feito pela plataforma Queima Diária, 62% das mães relatam que o tempo que elas têm para si mesmas não é suficiente, enquanto 38% garante estar se esforçando para priorizar esse momento. 

A pesquisa contou com 1453 mulheres e foi realizada em abril deste ano. Logo, fica claro que a questão é atual e atinge a maioria das mulheres após o nascimento do bebê. Ainda conforme os dados levantados, 90% das mães relacionam autocuidado às práticas de exercício, descanso e alimentação saudável — fatores essenciais para a saúde e que deveriam ser básicos na vida de qualquer pessoa. 

maternidade
Cuidados com o corpo e saúde não devem ser deixados de lado (Crédito: Shutterstock)

"A relação com o próprio corpo se aprofunda durante a gestação e após a maternidade. Quando está relacionada às mudanças físicas, por exemplo, tem consequência direta na autoestima. Por isso, trazer os exercícios para a rotina, mesmo em poucos minutos, ajuda a mulher com flacidez e flexibilidade, alivia o estresse e traz qualidade de vida", destaca a treinadora Gabriela Cangussú, focada em desenvolver treinos para as mães. 

Para isso, a rede de apoio é sempre bem-vinda. A mãe que tem pessoas de confiança para apoiá-la com o filho, consegue mais momentos para dedicar à saúde e bem-estar, ainda que não seja tarefa fácil. Já nos casos das mães que dão conta de tudo sozinhas, essa busca pode ser ainda mais difícil. Afinal, onde arrumar tempo e disposição para se cuidar? 

Nesse sentido, os treinos online costumam ser bons aliados, viu? Em poucos minutos por dia dá para se exercitar e partir em busca de resultados. O pontapé inicial deve ser motivados pela autoestima, autocuidado e amor-próprio. A gente sabe que é difícil, masque tal tentar dar um passo por você ainda hoje? O cuidado consigo mesma não te torna menos mãe, pelo contrário: uma mulher feliz é uma mãe feliz! 

Fonte: Gabriela Cangussú, treinadora de programas voltados para à maternidade e Queima Diária, plataforma online de treinos. 

ASSINE NOSSA NEWSLETTER

Ao assinar nossa newsletter, você concorda com os termos de uso do site.