Como educar seus filhos para não serem machistas em 9 passos simples

Você pode ensinar seus filhos a não serem machistas, começando dentro de casa!

Como educar seus filhos para não serem machistas em 9 passos simples
Reprodução/Shutterstock

A educação dos filhos é um tema importante e necessário. Numa sociedade como a nossa, onde a violência contra a mulher atinge níveis exorbitantes, como usar a educação a nosso favor para ensinar os pequenos a não reproduzirem o machismo?

A pesquisa “Por Ser Menina no Brasil: Crescendo entre Direitos e Violência”, da ONG Plan International Brasil, entrevistou milhares de meninas de 6 a 14 anos, e demonstrou que 81% das garotas arrumam a própria cama, enquanto apenas 12% dos meninos fazem a mesma atividade. Além disso, 77% delas lavam a louça e 12,5% deles ajudam nessa tarefa.

Como educar seus filhos para não serem machistas em 9 passos simples

Shutterstock

Mas nós listamos 9 passos simples para te ajudar a educar seus filhos e evitar o machismo dentro de casa. Confira!

1. Dividir as tarefas domésticas

Um dos primeiros e principais passos para evitar uma educação machista é a divisão igual de tarefas domésticas. Primeiro, porque é importante que essas tarefas não sejam apenas responsabilidade da mãe, que muitas vezes trabalha fora de casa, mas também do pai e dos filhos, sejam meninos ou meninas. Quando os pais deixam a responsabilidade das tarefas de casa só para as meninas, ajudam a criar um estereótipo de que mulheres tem o dever de realizar essas funções, quando na verdade tudo pode e deve ser dividido.

2. Menos “brinquedo de menino” e “brinquedo de menina”

Já parou para pensar que brinquedos não tem gênero, nós é que atribuímos isso a eles? Geralmente, nas lojas de brinquedos, a seção para meninas é cheia de coisas como casinhas, cozinhas e bonecas, enquanto para os meninos são jogos de aventura, descobrimento e ação. Nossos filhos podem e merecem brincar do que eles quiserem, independente do gênero. Permitir que as crianças sejam livres para escolher os brinquedos também ajuda que eles se desenvolvam de forma menos machista, pois não vão atribuir certas coisas, como o “brincar de casinha”, sempre às mulheres.

Como educar seus filhos para não serem machistas em 9 passos simples

Shutterstock

3. Ensine a respeitar as amiguinhas

Já ouviu aquela frase: “se ele te mordeu, beliscou ou fica pegando no seu pé, é porque gosta de você”? Então, que tal tirá-la do seu vocabulário? Ensinar os meninos que demonstrações de violência são formas de carinho é a pior maneira de ensinar respeito às amiguinhas, e até mesmo à família. Assim, o melhor a fazer é educá-lo para crescer compreendendo que tudo tem limite e que ele deve respeitar as mulheres segundo as vontades delas.

4. Mesmas regras

Se existem regrinhas básicas dentro de casa, elas devem ser seguidas por ambos os filhos, meninos e meninas. Se meninas não podem falar palavrão, por exemplo, meninos também não podem. As cobranças também devem ser as mesmas para os dois, como sobre o desempenho escolar. Assim é possível quebrar a ideia de que é “mais legal ser menino“, por causa das liberdades que eles acabam tendo nessa diferenciação de gêneros.

Como educar seus filhos para não serem machistas em 9 passos simples

Shutterstock

5. “Homem não chora”

Todas as crianças merecem dar vazão aos sentimentos, independente do gênero. Usar alguns bordões como forma de educar pode provocar o efeito inverso: vai ensinar que ele não tem o direito de colocar seus sentimentos para fora, ser sensível ou carinhoso. Quem disse que meninos não podem ser sentimentais?

6. Cor da roupa não define ninguém

As pessoas são diferentes umas das outras! Cada uma delas tem gostos, opiniões e características diferentes. Tudo isso pode ser ensinado para o seu filho demonstrando que ele pode ter liberdade de usar as cores que quiser, como uma camiseta rosa, roxa ou amarela, por exemplo.

Como educar seus filhos para não serem machistas em 9 passos simples

Reprodução/Shutterstock

7. Não precisa ser bom em tudo

Ao longo do tempo, a vida vai nos ensinar que é muito difícil se destacar em tudo. Mas para as crianças, isso geralmente provoca muita frustração, principalmente os meninos, que são ensinados desde pequenos a serem competitivos. O ideal é educá-los de forma que seja possível incentivá-los a darem o seu melhor, e não serem os melhores em tudo.

8. Meninos não precisam ser violentos

Não é preciso bater, ameaçar ou gritar para conseguir as coisas ou para ser escutado. Na educação dos filhos, é importante mostrar que não é preciso usar a violência para ter poder sobre os outros. Assim você pode ajudá-lo a ser diferente e mostrar que ele não precisa agir dessa forma.

Como educar seus filhos para não serem machistas em 9 passos simples

Reprodução/Shutterstock

9. Seja o exemplo

Não adianta nada ensinar os pequenos a dividir as tarefas, respeitarem o próximo, mas não ser o exemplo deles, né? Os filhos absorvem tudo que acontece dentro de casa e tem os pais, na maioria das vezes, como seus maiores exemplos. Por isso, é importante ser na frente deles tudo aquilo que você ensina.

Texto: Thamires Motta