Chá verde: pesquisas confirmam que a erva é milagrosa mesmo!

Além do potencial emagrecedor, o chá verde ainda previne doenças e é capaz de dar mais disposição. Confira alguns estudos envolvendo a Camellia sinensis

cha-verde-pesquisas-saude
FOTO: Shuterstock

Foco de inúmeras pesquisas, o chá verde é comprovadamente um forte aliado da saúde. Além do famoso potencial emagrecedor, a erva ainda previne doenças e é capaz de dar mais disposição. Abaixo, é possível conferir alguns estudos envolvendo a erva Camellia sinensis e a confirmação de seus principais benefícios.

cha-verde-pesquisas-saude

FOTO: Shuterstock

Câncer e Alzheimer? O chá verde pode ajudar!

Pesquisadores da Universidade de Newcastle, na Inglaterra, comprovaram que o chá verde é bem mais eficaz do que se pensava. Graças a uma tecnologia que simula o sistema digestivo humano, o estudo comprovou que as propriedades da bebida são assimiladas integralmente mesmo após a digestão, o que nem sempre acontece com outros alimentos. Dois dos compostos presentes no chá, o peróxido de oxigênio e a proteína beta-amiloide, têm papel na prevenção do Alzheimer. As simulações conduzidas pelos cientistas também constataram que os polifenois do chá desaceleraram de forma significativa o crescimento de células cancerígenas.

cha-verde-pesquisa-saude-beneficios

FOTO: Istock.com/GettyImages

Proteção a mais para elas

Um estudo publicado no periódico norte-americano American Journal of Clinical Nutrition fornece mais argumentos para as fãs do chá verde. O relatório acompanhou, durante 11 anos, mais de 69 mil mulheres chinesas: 19 mil delas consumidoras da bebida mais de três vezes por semana. Pelas análises, o grupo que consumia o chá apresentou menores riscos de desenvolver câncer de cólon, estômago e garganta. No entanto, é preciso lembrar que era um grupo também mais jovem e que cuidava melhor da alimentação e da saúde, o que foi levado em conta pelos pesquisadores. Mesmo assim, trata-se de um indício que pode abrir caminhos para futuros estudos.

Abaixando o mau colesterol

Uma pesquisa realizada na Western University of Health Sciences, nos Estados Unidos, avaliou a relação entre chá verde e colesterol. O estudo indicou que tanto a bebida quanto as cápsulas com suas catequinas são úteis para diminuir os índices de colesterol sanguíneo — vale lembrar que, nesse caso, a bebida apresentou melhores resultados do que os comprimidos. Porém, os autores destacam que o chá verde é apenas um tratamento complementar que deve acompanhar a dieta ou o uso de medicamentos específicos.

 

 

LEIA TAMBÉM