CASA & DECOR

Saiba qual a influência da iluminação na temperatura

Especialista da Luna Lunce Iluminação conta de que maneiras a iluminação colabora para a sensação de temperatura de um ambiente. Confira!

por Redação Alto Astral
Publicado em 13/05/2016 às 14:55
Atualizado às 17:07

COMPARTILHEShare to WhatsappShare to FacebookShare to LinkedinShare to TwitterShare to Pinteres

É comum que, nas diferentes estações do ano, as pessoas busquem alternativas para adaptar a casa e deixá-la mais aconchegante, seja para o frio ou calor. E você sabia que a iluminação também pode fazer parte desse processo?

Efeitos da iluminação

Daniele Bagatoli, sócia da Luna Luce Iluminação e pós-graduada em iluminação e design de interiores explica que a iluminação não irá necessariamente interferir na temperatura, mas sim na sensação. “Em Curitiba, por exemplo, que é uma cidade fria, as pessoas costumam gostar mais de tonalidades de lâmpadas que puxam mais para o amarelo e lembram o verão e a luz solar em um dia de tempo aberto. Essas lâmpadas não necessariamente esquentam, mas elas passam uma sensação de aconchego que atrai as pessoas de regiões mais frias. Já em cidades com clima quente, a procura é maior por lâmpadas brancas, pelo efeito contrário”, explica.

As luzes mais indicadas para o inverno “são aquelas que possuem temperatura de cor abaixo de 3000k. As embalagens normalmente indicam se se trata de uma luz fria, morna ou quente, mas o ideal é sempre testar a lâmpada e ter a ajuda de um profissional para a escolha”, afirma Daniele.

Foto: Natasha Bagatoli

Foto: Natasha Bagatoli

Luzes que esquentam

A profissional também alega que existem lâmpadas que realmente conseguem esquentar um ambiente, no entanto, não são indicadas por conta do consumo excessivo de energia. “São as lâmpadas halógenas ou incandescentes dissipam bastante calor e realmente esquentam os ambientes. Já os LEDs e as lâmpadas fluorescentes possuem várias temperaturas de cor de luz, mas não dissipam calor. Até hoje, mesmo com a evolução do LED, muitos clientes têm receio dele, por preferirem a cor da luz das lâmpadas incandescentes. Porém, já é possível encontrar versões LED bem próximas e com resultado satisfatório”.

SAIBA MAIS

Arrume a casa para o inverno!

Decorando a parte da frente de casa

Veja como são os banheiros de 10 celebridades de Hollywood

Amarela ou branca?

Bagatoli deixa claro que o pensamento de que “a luz branca ilumina mais que amarela” é um mito. “Na verdade, as células dos nossos olhos estão mais receptivas às luzes com tonalidades brancas e, com isso o ambiente parece que está mais claro. Porém, é comum lâmpadas com tonalidades amarelas possuírem o fluxo luminoso mais intenso do que versões brancas com a mesma potência”, argumenta.

Faça a escolha certa!

Foto: iStock

Foto: iStock

Daniele deixa suas recomendações para escolher a lâmpada certa: “a tonalidade da luz do por do sol, amarelada, é mais romântica, mais relaxante, mais aconchegante, enquanto as luzes brancas estimulam o cérebro. Por isso, lâmpadas amarelas são mais indicadas para ambientes como o quarto, onde precisamos estar relaxados. Já as luzes brancas são perfeitas para escritórios e locais de trabalho e estudo, onde precisamos de atenção”.