Canja: um alimento poderoso

Canja é um alimento poderoso, sendo um excelente fortalecedor do sistema imunológico. Desta forma, combate gripes e resfriados.

Boa para quem está debilitado, a canja é uma fonte de nutrientes. Tem poder terapêutico e anti-inflamatório. O prato é capaz de combater a gripe e recuperar o corpo abatido pela doença. Um dos elementos responsáveis por isso é a cisteína, um aminoácido liberado quando a carne de galinha é cozida.

 

Canja de Arroz com Frango, sopeira, tábua, pães, colher, toalha

Foto André Fortes

 

Mais saúde!

Para preparar uma canja nutritiva, o ideal é, depois de cozinhar o frango, retirar o acúmulo de gordura que se formou na parte de cima, deixando-a mais leve e saudável. O caldo restante deve ser aquecido novamente e, quando levantar fervura, os outros ingredientes da receita podem ser colocados na panela.

 

Peitos de frango, sobre a madeira, verduras

Foto shutterstock.com

 

Ingrediente essencial

Considerado uma ótima fonte de proteínas, o frango traz o benefício de fornecer a cisteína, um aminoácido que quebra o muco, facilitando a expectoração. Por isso, a canja é tão indicada nos casos de gripes e resfriados. “Além de conter aminoácidos essenciais de alta concentração, o frango apresenta digestão mais fácil que a carne bovina e tem uma quantidade de gorduras saturadas menor no corte do peito”, comenta a nutricionista Christiane Bergamasco.

Complemento poderoso

O nutriente mais importante presente no arroz – um dos principais ingredientes da canja – é o carboidrato, essencial para a realização das atividades do dia a dia. “Ele é quebrado em glicose para fornecer quase toda a energia que o corpo precisa durante o dia”, explica a nutricionista Greice Caroline Baggio. O carboidrato também regula o metabolismo de proteínas e gorduras, poupando-as de serem usadas como fonte de energia. Além disso, por ser fonte exclusiva de energia para o cérebro, ele também é importante para o funcionamento do sistema nervoso.

Saiba mais:

Depressão na terceira idade: como a família deve lidar com o problema?

Síndrome do olho seco: cuidados básicos que minimizam os desconfortos

Cirurgia refrativa: 5 questões sobre o processo a laser

Consultoria Christiane Bergamasco, nutricionista funcional com especialização em Nutrição Hospitalar e Fisiologia do Exercício; Greice Caroline Baggio, nutricionista