Café da manhã de atleta: como se alimentar antes dos exercícios

Você sabia que é necessário um bom café da manhã antes de praticar exercícios físicos? Descubra como ter uma rotina mais saudável e transforme seu dia!

cafe-da-manha
FOTO: Shutterstock

Manter bons hábitos alimentares e praticar atividades físicas regularmente é a combinação perfeita para quem deseja levar uma vida saudável. Exercitar-se é fundamental para prevenir problemas de saúde, além disso, a prática ajuda a baixar as taxas de colesterol, a controlar o diabetes e a hipertensão, contribui para a ativação da memória e, segundo pesquisas, melhora os sintomas da depressão.
Aqueles que preferem se exercitar durante as manhãs têm a vantagem de acelerar o organismo logo no início do dia, despertando mais rapidamente para as atividades cotidianas. Porém, é preciso tomar cuidado com a alimentação: quem não tem o hábito de tomar um bom café da manhã ou quem faz a refeição de forma inadequada pode sentir enjoos, tonturas e desmaiar.

cafe-manha

Foto: Shutterstock

Por que é preciso se alimentar bem antes dos exercícios?

Durante as atividades físicas, há um aumento do gasto energético, o que acelera o consumo de glicose pelo organismo. Porém, acreditar que ao exercitar-se em jejum o processo de emagrecimento acontecerá mais rápido é um erro. “O jejum prejudica o metabolismo, que tem a função de possibilitar a transformação dos alimentos que consumimos em energia. Além disso, o nível de glicose no sangue fica baixo e o organismo passa a consumir proteínas em vez de gorduras, ou seja, o indivíduo perde massa magra, que são os músculos, no lugar das tão indesejadas gorduras”, explica o nutrólogo Maximo Asinelli. Estar mal alimentado durante a prática de exercícios pode prejudicar o rendimento das atividades e gerar um quadro de hipoglicemia, além do risco de quadros de mal-estar.

cafe-da-amanha

Ilustração: Shutterstock | Design: Ana Carvalho/Colaboradora

Praticar exercícios é benéfico porque…

  • Reduz os níveis glicêmicos e melhora a tolerância à glicose
  • Reduz os níveis de pressão arterial
  • Reduz os riscos de doenças cardiovasculares
  • Melhora a força, o equilíbrio e a flexibilidade
  • Reduz o peso corporal e, consequentemente, o percentual de gordura

 

Texto: Redação Alto Astral
Consultoria: Maximo Asinelli, nutrólogo

 

LEIA MAIS