Saiba quais os benefícios da vitamina A para a saúde

A vitamina A é responsável por muitas atividades do organismo, sendo a saúde dos olhos a principal delas. Conheça mais propriedades!

cenoura
Os alimentos alaranjados, como a cenoura, são ricos em betacaroteno. Foto: Shutterstock

Presente na natureza na forma de retinol (fontes animais) e alguns carotenoides (fontes vegetais), a vitamina A se transforma em ácido retinoico no organismo por meio da alimentação. Os carotenoides são os responsáveis pela cor amarela e laranja dos alimentos e, na verdade, são provitaminas que, após serem sintetizadas, se transformam na substância. Conheça mais benefícios da vitamina A e proteja a sua saúde!

cenoura

Os alimentos alaranjados, como a cenoura, são ricos em betacaroteno. Foto: Shutterstock

 

Melhor proveito

Por ser uma vitamina lipossolúvel, isto é, solúvel em gordura, a melhor maneira do organismo aproveitar a vitamina A é com a absorção conjunta de alimentos ricos em lipídeos. “Uma redução significativa na ingestão de lipídeos deprime a composição corporal de vitaminas lipossolúveis, o que pode acarretar deficiências. Além disso, a ingestão de lipídeos facilita a absorção de precursores da vitamina A, como betacarotenos”, destaca a nutricionista Greice Caroline Baggio.

O betacaroteno é o carotenoide mais abundante e conhecido. A vitamina A tem propriedades antioxidantes e um grande aliado dos nutrientes com essa função é a vitamina E. Isso porque ela protege as vitaminas antioxidantes da oxida- ção, o que causaria efeito contrário e maléfico ao organismo. Por isso, procure combinar alimentos ricos nesses nutrientes.

Saúde à luz dos olhos

Uma de suas principais funções é estar presente na composição das proteínas responsáveis pela reação dos olhos à luz, o que torna a visão possível, sendo essencial para a saúde ocular. Além disso, a vitamina A é importante para a imunidade do organismo, controle do crescimento e sua ação antioxidante combate os radicais livres, contribuindo para a preservação dos tecidos. Assim, a saúde da pele, unhas e cabelos está diretamente ligada à vitamina.

O papel da manutenção do crescimento se deve ao fato do ácido retinoico agir por meio de receptores que atingem quase todas as funções na célula humana. Dessa forma, é fundamental para o desenvolvimento do organismo. Contudo, o acúmulo da vitamina pode gerar um aumento desenfreado das células, podendo até contribuir para o aparecimento de câncer.

Xeroftalmia

Uma vez que a vitamina A é essencial para a saúde dos olhos, sua carência gera diversos problemas na visão, podendo culminar na cegueira. A xeroftalmia, também conhecida como olho seco ou ceratoconjuntivite seca, é uma doença causada pela falta da vitamina. Alteração na produção de lágrimas, manchas brancas no globo ocular e secura da pele e da córnea são sintomas da doença. O ponto máximo é a cegueira parcial ou total.

mulher grávida

O excesso da vitamina A nos primeiros meses de gestação, pode causar malformação do feto. Foto: Shutterstock

A enfermidade é mais recorrente em países em desenvolvimento, nos quais não existe uma alimentação balanceada, principalmente para as crianças. O tratamento deve acontecer desde o início dos primeiros sinais por meio de suplementação da vitamina, por alimentos ou medicamentos.

Extrapolar

O excesso da vitamina A no organismo acontece, geralmente, com a ingestão de suplementos vitamínicos. As altas dosagens podem gerar ressecamento da pele, bem como interferir na saúde dos cabelos e unhas. A vitamina é essencial para o crescimento das crianças, mas o excesso no começo da gestação pode interferir na formação do feto, já que o nutriente exerce função no desenvolvimento das células. Por se armazenar no fígado, quando presente em grande quantidade, o órgão tende a ficar inchado. 

 

 

Consultoria: Greice Caroline Baggio, nutricionista

Texto: Redação Alto Astral

 

 

LEIA TAMBÉM: