Na raiz do problema: entenda as possíveis causas para queda de cabelo!

A queda de cabelo pode ser causada por diversas questões, entre elas, a má alimentação e o estresse. Descubra quando se preocupar com o problema!

None
Foto: Shutterstock.com

por Redação Alto Astral
Publicado em 21/03/2017 às 19:18
Atualizado às 11:47

COMPARTILHEShare to WhatsappShare to FacebookShare to LinkedinShare to TwitterShare to Pinteres

Os motivos pela queda capilar em mulheres são diversos e, entre os mais comuns, estão: mudanças hormonais, genética, anemia, doenças sistêmicas e estresse psicológico. A perda de até 100 fios de cabelo por dia é considerada normal, porém, quando mais de 200 fios caem, há quem perceba uma diminuição de volume e falhas em algumas áreas do couro cabeludo.

Fique de olho!

Falta de nutrientes: a deficiência de substâncias importantes para a manutenção do organismo pode enfraquecer a saúde capilar. Aposte em alimentos ricos em ferro, vitaminas, silício e zinco.
Estresse e ansiedade: “Fatores emocionais que estimulam queda de cabelo estão se tornando cada vez mais frequentes nos diagnósticos médicos. Pode acontecer por estresse e também como resultado de alguma alteração psíquica repentina, ou ainda, por um trauma que venha seguido por depressão profunda”, explica o psicanalista Paulo Miguel Velasco.

Mulher, loira, cabelo longo, liso, preocupada, brava, careta

Foto: Shutterstock.com

Uso de produtos químicos: os alisantes, desfrisantes e permanentes podem agredir as madeixas, resultando na queda dos fios. Por isso, é sempre importante ir a um profissional de confiança para realizar processos com substâncias fortes.
Anemia: caracterizada pela deficiência de ferro e/ou ferritina no organismo, a doença dificulta a circulação de sangue e nutrientes nos folículos capilares, promovendo o enfraquecimento e queda do fio. • Infecção por fungos: “Geralmente ocorrem no couro cabeludo, deixando a região descamativa e sensível”, afirma Juliano Culkin, hairstylist do salão C.Kamura, de Campinas (SP).
Pós-parto: o fato de os hormônios estarem desregulados e o estresse provocam uma maior queda capilar.
Medicamentos e fatores genéticos: reação ao uso de alguns remédios e até mesmo fatores genéticos também podem influenciar na queda de cabelo.

Quando se preocupar com a queda de cabelo?

Segundo Inaê Cavalcanti, dermatologista especializada em cabelos, a perda de 100 fios por dia, em média, é considerada normal. “Mas, se eles caírem excessivamente por mais de dois a três meses, é preciso procurar um médico dermatologista para avaliar as possíveis causas. É necessário ficar alerta quando os fios caem rapidamente e começam a afinar, se há diminuição de volume e presença de falhas ou rarefação capilar em algumas áreas do couro cabeludo”, afirma a profissional.

Texto: Juliana Borges/Colaboradora | Consultoria: Inaê Cavalcanti, dermatologista especializada em cabelos da DOM Medicina Personalizada, (11) 5574-1001; Juliano Culkin, hairstylist do salão C.Kamura, de Campinas (SP), (19) 3207-0995; Paulo Miguel Velasco, psicanalista clínico

LEIA TAMBÉM

ASSINE NOSSA NEWSLETTER

Ao assinar nossa newsletter, você concorda com os termos de uso do site.