Produtos baratinhos para reduzir a oleosidade dos cabelos

Você costuma sofrer com o cabelo oleoso? Confira dicas, ingredientes e outras soluções para dar um fim da oleosidade no cabelo!

None
Foto: Divulgação

por Redação Alto Astral
Publicado em 13/01/2017 às 14:48
Atualizado às 11:56

COMPARTILHEShare to WhatsappShare to FacebookShare to LinkedinShare to TwitterShare to Pinteres

Está em busca do fim da oleosidade no cabelo? Esse é um problema que incomoda muitas pessoas que procuram alternativas para reduzir o aspecto pesado dos fios e deixá-los mais brilhantes e cheios de vida – principalmente em algumas situações de emergência, quando é preciso sair de casa, mas não dá tempo de cuidar dos fios de maneira adequada.

Se você quer o fim da oleosidade no cabelo, confira os ingredientes super fáceis que nós listamos para você usar em situações de emergência, além de algumas dicas certeiras para acabar de vez com a oleosidade nos fios.

Fim da oleosidade no cabelo: ingredientes que ajudam

Tapioca

fim da oleosidade no cabelo

Foto: Divulgação

Você sabia que vários shampoos a seco possuem a tapioca em sua composição? Pois é! Isso porque ela absorve a oleosidade dos fios e ameniza o aspecto pesado que o cabelo fica quando está oleoso. Ou seja, a tapioca pode ser benéfica não somente para a sua dieta, mas também no quesito beleza!

Bicarbonato de sódio

fim da oleosidade no cabelo

Foto: Divulgação

Outro ingrediente indispensável no armário, o bicarbonato de sódio também possui diversas funcionalidades, entre elas reduzir o aspecto oleoso do cabelo. Aplique uma pequena quantidade na raiz e vá espalhando pelo couro cabeludo, até alcançar o resultado desejado.

Amido de milho

fim da oleosidade no cabelo

Foto: Divulgação

Caso você não tenha nenhum dos ingredientes acima, vale a pena apostar no amido de milho. No entanto, para obter o resultado desejado, após espalhar o ingrediente na raiz, retire o excesso com um secador em temperatura fria ou uma toalha seca.

Farinha de trigo

fim da oleosidade no cabelo

Foto: Divulgação

Em caso de urgência, que tal usar a farinha de trigo para disfarçar a oleosidade no cabelo? Aplique uma pequena quantidade na raiz e vá espalhando com as mãos, até que o ingrediente fique completamente invisível. Tome cuidado para não deixar o branco aparecer!

Frutas cítricas

fim da oleosidade nos fios

Foto: Divulgação

Muitos dos shampoos produzidos para combater a oleosidade possuem frutas cítricas em sua composição. Portanto, usá-las na lavagem pode ser de grande ajuda para acabar de vez com o aspecto pesado no cabelo. Esprema um ou dois limões e aplique na raiz, enxaguando após 5 minutos.

Talco

fim da oleosidade no cabelo

Foto: Divulgação

Assim como todos os produtos citados acima, o talco também é de grande ajuda para dar um fim à oleosidade no cabelo em situações de emergência! Aplique uma pequena quantidade na raiz e vá espalhando com as mãos, até que todo o pó branco esteja imperceptível. Pronto, fim da oleosidade!

Fim da oleosidade no cabelo: outras dicas valiosas

Lave o cabelo em dias alternados

fim da oleosidade no cabelo: lavagem

Foto: Divulgação

A melhor solução para quem tem cabelo oleoso é realizar a lavagem em dias alternados, pois, caso você o lave todos os dias (ou mais de uma vez no dia) ele ficará com aspecto oleoso – o que também acontecerá se a lavagem for realizada uma ou duas vezes por semana.

Escolher produtos adequados

fim da oleosidade do cabelo

Foto: Divulgação

Escolher produtos destinados a cabelos oleosos é o primeiro passo. Além disso, não abusar no uso de condicionadores e evitar cremes sem enxágue também pode reduzir o aspecto pesado do cabelo. Neste caso, uma boa alternativa é criar um cronograma capilar com produtos adequados para tratar os fios.

Regular a temperatura da água

fim da oleosidade nos fios

Foto: Divulgação

Tomar banhos muito quentes não faz bem para a pele e nem para as madeixas. Então, se você quer o fim da oleosidade no cabelo, tome banho com água morna ou fria. De acordo com a dermatologista Joana Tebar Figueira – membro da Sociedade Brasileira de Dermatologianão adianta tomar banho com a água quente e depois baixar a temperatura, porque “a glândula já foi estimulada a produzir mais, então a pessoa acaba se enganando achando que apenas com um jato frio conseguiria reverter este estímulo.”

LEIA TAMBÉM:

ASSINE NOSSA NEWSLETTER

Ao assinar nossa newsletter, você concorda com os termos de uso do site.