Batata-doce: a queridinha das academias ajuda a emagrecer

A batata-doce é uma grande aliada para quem deseja emagrecer de maneira saudável. O alimento faz uma ótima combinação com exercícios físicos. confira!

A batata-doce auxilia no emagrecimento.
Foto: Shutterstock.com

Ela ficou famosa por fazer parte do cardápio dos atletas e marombeiros. Isso porque a batata-doce garante mais músculos e menos gorduras. Mas se a febre começou nas academias, agora está chegando ao prato de quem busca uma alimentação saudável e quer uma silhueta enxuta. Entenda como funciona essa relação.

A batata-doce auxilia no emagrecimento.

Foto: Shutterstock.com

Para quem é fitness

“O principal nutriente da batata-doce que auxilia os praticantes de atividade física é o carboidrato, responsável por fornecer a energia para o organismo da pessoa, possibilitando a prática de exercício físico”, esclarece Ricardo Zanuto, nutricionista esportivo e doutor em fisiologia humana e biofísica pela USP. Consumir os nutrientes adequados levam a uma melhor performance durante e após os treinos, evitando a fadiga, por exemplo. Segundo o profissional, o corpo precisa de energia para realizar qualquer coisa, desde as atividades cerebrais mais simples assim como exercícios mais complexos e de alta intensidade, como esportes ou musculação. Neste último caso, também é fundamental garantir combustível para a recuperação do organismo após o treino. E por conter baixo índice glicêmico, a batata-doce é uma grande aliada. “Pois fornece energia para o corpo, para que se possa treinar de forma intensa, e auxilia também na recuperação muscular, principalmente do glicogênio muscular, que é bastante usado durante um treino de musculação”, afirma o nutricionista.

A batata-doce auxilia no emagrecimento.

Foto: iStock.com/Getty Images

A silhueta agradece

Fonte de carboidrato complexo, o tubérculo leva mais tempo para ser digerido, contando pontos para quem está numa dieta de emagrecimento. “Ele joga o carboidrato por mais tempo no sangue, porém em menor quantidade, fornecendo energia para o organismo também por mais tempo, e sem ter picos de insulina”, completa Ricardo. Com a redução nos níveis de açúcar no sangue, que é liberado aos poucos após o consumo da batata-doce, evita-se que o corpo “estoque” gordura na barriga e nas coxas, por exemplo, resultando nos temidos “pneuzinhos”. Mas todos esses benefícios devem ser os aliados de uma dieta equilibrada, já que o corpo precisa dos três macronutrientes – carboidratos, lipídeos e proteínas –, assim como de vitaminas e minerais, para trabalhar perfeitamente, mesmo quando a intenção é o ganho de massa magra ou a expulsão das gordurinhas. “Toda dieta precisa ser ajustada ao objetivo”, ressalta o profissional.

Texto: Redação Alto Astral | Consultoria: Ricardo Zanuto, doutor e mestre em Fisiologia Humana e Biofísica pela USP. Graduado em Educação Física com enforque em Nutrição Esportiva

LEIA MAIS