Aumente sua concentração com 5 dicas simples!

Se você anda tendo dificuldades em manter sua concentração, não se desespere! Conheça 5 práticas comuns que ajudam a turbinar essa capacidade

dicas para aumentar a concentração
Foto: Istock

A concentração é quase uma arte. “Trata-se da capacidade de o indivíduo direcionar sua mente num elemento, num objeto, numa realidade desejada, e a atenção e o foco estão interligados no processo”, resume o parapsicólogo e professor Luciano Gomes. Mas e quando essa capacidade falha, você sabe como recuperá-la? Não? Confira 5 dicas para aumentar a concentração:

1. Desligue tudo

De acordo com o psicólogo Thiago Sant’Anna, “uma boa ideia é evitar ambientes que possam ‘roubar’ sua atenção, desviando o foco. Ou seja, nada de muito barulho, televisão ligada, WhatsApp, etc”. Desse modo, você ajuda seu cérebro a te ajudar num processo de mais concentração.

2. Estimule seus sentidos

Experimente focar os seus sentidos — seja audição, visão, paladar, olfato ou tato — para uma única atividade ou pensamento. “A concentração é a sintonia da mente e do corpo”, sintetiza Luciano, “assim, concluímos a necessidade de todos os seus sentidos trabalharem em seu favor.

3. Livre-se do estresse

É muito complicado lidar com mil tarefas e prazos e não se sentir minimamente estressado. Mas esse sentimento é muito danoso para sua concentração. “É o foco no presente (ou nas ações da vida presentes de um indivíduo) que torna a vida diária produtiva”, indica o neurologista Martin Portner. Sempre que o excesso de tarefas ou os prazos parecerem que vão sufocar você, respire fundo, estabeleça as prioridades, e realize as tarefas individualmente. Isso ajuda a afastar o estresse.

4. Comece pelo mais fácil

Outra dica compartilhada pelo psicólogo Thiago Sant’Anna diz respeito à questão de elencar as tarefas, da mais simples para as de maior complexidade.”É muito mais fácil se manter concentrado quando o foco nos agrada do que quando há apenas a obrigação”, sugere o profissional. “Então, comece atribuindo-se tarefas que exigem concentração e que lhe agradem (exemplo: leitura). Você pode aumentar o tempo dedicado a elas, subir o nível de dificuldade e passar aos poucos para tarefas que, em princípio, lhe agradam menos”, diz. Assim, aos poucos a habilidade nas mais difíceis vai evoluir, e quando surgir a necessidade de encará-las de novo, a concentração virá de forma mais tranquila.

Foto: Shutterstock

5. Treine seu cérebro!

O que não faltam são opções divertidas para as horas vagas que, além de puro entretenimento, colaboram para turbinar sua mente. Aplicativos, jogos de tabuleiro, cruzadinhas, sudoku… As opções são inúmeras para aumentar a concentração.

Confira também 10 dicas de como aumentar a concentração nos estudos e no trabalho:

LEIA TAMBÉM

Texto: Redação Alto Astral