Atitudes para começar na quarentena e não parar mais

Coisas simples que você pode fazer para melhorar o seu dia a dia e viver uma vida mais saudável

atitudes na quarentena
Foto: Reprodução/Freepik

Quais têm sido suas atitudes na quarentena? Se há uma coisa que nós todos percebemos é que basta um pouquinho a mais de tempo na rotina para que consigamos viver melhor e aproveitar mais das situações, né? Por isso, nós criamos uma lista de coisas que você deveria repensar antes de parar de fazer quando toda essa situação acabar.

Você precisa praticar essas atitudes na quarentena

Leia

Se você ainda não criou o hábito de ler mais, esse é, de longe, um dos melhores hábitos para desenvolver na quarentena. Pesquise sobre temas que te interessem e aproveite seu tempo para conhecer sobre coisas que gosta. A leitura estimula a criatividade e ainda te ajuda a desenvolver pensamentos mais críticos sobre as coisas.

Nutra-se

Possivelmente, estando em casa, você percebeu que é possível comer com calma e muito melhor. Pense sobre isso. Será que pular refeições ou comer qualquer coisa torna o seu dia melhor? Há grandes chances que a falta de nutrientes abale seu desempenho nas atividades. Deixar de reservar um tempo e local adequado para alimentar-se também pode contribuir para o desenvolvimento de ansiedade.

8 horas por dia

Dormir é, com toda certeza, algo essencial para a saúde humana. No entanto, é comum que aqueles que possuem uma rotina muito agitada acabem tendo problemas para conseguir reservar oito horas de sono. Se uma de suas novas atitudes na quarentena é dormir melhor, pense muitas vezes antes de largar esse hábito.

Relaxe

Não importa por quais meios você atingirá seu ponto de equilíbrio, mas uma vez que o encontrar, não deixe-o escapar nunca mais. Aproveite esse momento para procurar aquilo que te ajuda a ficar em paz com você mesmo. Chás, sucos de maracujá, meditação. Tudo é bem-vindo.

Reflita

Uma das melhores atitudes na quarentena que você pode começar a ter que farão total diferença em sua vida caso a mantenha é refletir sobre suas inseguranças. Olhe atentamente para aqueles assuntos que costuma evitar e procure entender o porquê de fazer isso.

Converse mais

Talvez, por conta do distanciamento e a disponibilidade de tempo, você tenha começado a conversar mais com amigos e familiares com quem acabava adiando as reuniões. Isso tem te feito bem? Se sim, por que não manter?

Leia também: