O Algarve é o ponto alto do verão português

Muita história, belezas naturais e tradições cercam a região do Algarve.

Por Vinicius Galico - 21/09/2017

Foto: Wikimedia Commons

A beleza, os aromas e os sabores típicos dessa região merecem grande destaque. Com um verão mais longo e quente, o Algarve é o destino certo para quem quer sol e calor (com água fria), sem deixar de lado a cultura típica de Portugal. As ruas estreitas do interior e as areias finas do litoral devem ser destino obrigatório de todo turista. Em qualquer época do ano, você pode desfrutar do Algarve sem medo de ser feliz !

A região do Algarve, dominada pelos romanos por cinco séculos, sofreu com invasões, incêndios e um grande terremoto em 1755, que destruiu a maior parte de suas construções medievais. Apesar de tantos desastres, suas praias de águas cristalinas e as grandiosas formações rochosas permanecem intactas, atraindo milhares de turistas durante todo o ano. O Algarve é agraciado com um clima mais quente do que o resto do país e é roteiro obrigatório para quem aprecia belezas na- turais. Com certeza, a região vai render as melhores fotos da sua viagem.

O Algarve é o ponto alto do verão português

A região do Algarve está situada no extremo sul de Portugal. Foto: Wikipedia

Arrifana

Uma das praias mais lindas do litoral do Algarve fica a 10km da vila Aljezur. O caminho pela estrada passa entre penhascos e oferece uma vista incrível. A praia em forma de colcha já foi deserta, mas hoje é ponto de encontro de jovens que buscam diversão no verão.

Castelejo

Praia tranquila devido ao caminho menos acessível. Para chegar, é preciso seguir por uma estrada de terra que sobe da vila do Bispo. A praia possui impo- nentes penhascos, é extensa e tem a areia macia. Quem quiser se aventurar, a Torre de Aspa, a 156m de altitude, oferece uma vista impressionante do mar. Só que é preciso estar disposto, a estrada é ruim e é preciso fazer um bom percurso a pé. Mas a vista compensa, e muito!

Beliche

Perto de Sagres e cabo São Vicente, a praia possui cavernas fascinantes e é muito procurada por surfistas. O acesso à praia é através de uma grande escadaria.

O Algarve é o ponto alto do verão português

As praias do Algarve possuem um charme único. Muitas delas são desertas e distante dos grandes centros, o que proporciona aos turistas um ar intimista de tranquilidade. Foto: Wikimedia Commons

Martinhal

A leste de Sagres, é muito procurada para a prática de esportes aquáticos. Ali existe uma escola especializada em ensinar parapente, esqui aquático e windsurfe.

Dona Ana

Fica a 25 minutos a pé do centro da cidade de Lagos. É a praia mais bonita da baía. Ótimo para a prática de mergulho e observação da fauna e flora marinha.

Lagoa

Com pouco mais de 17km de costa, a cidade é uma das belas da região, com areia fina e água cristalina. Formam o litoral as
praias Senhora da Rocha, Marinha, Carvalho, Carvoeiro, Vale Centeanes, Grande, Pintadinho, Carneiros e Benagil. São de belezas impressionantes, por isso, mesmo aquelas com difícil acesso merecem uma visita.

O Algarve é o ponto alto do verão português

O clima mais quente que de outras regiões e as aguas geladas atraem centenas de turistas. Foto: WIkimedia Commons

Cidades históricas: Faro, a capital do Algarve

A capital do Algarve também serve de ponto de entrada para o sul do país, onde fica um dos aeroportos internacionais. A vila de pescadores foi bastante destruída ao longo do tempo e grande parte foi reconstruída no séc. XVIII e XIX. Na primavera, as ruas ficam com o perfume das flores de laranjeiras. A cidade antiga é parcialmente rodeada por muralhas desde o Arco da Vila, uma espécie de portal da cidade. É possível conhecer o centro a pé. Entre os pontos principais destaca-se a Igreja da Sé, a primeira igreja cristã da cidade. O Paço Episcopal, do séc. XVIII, exibe maravilhosos azulejos com influência rococó, mas é preciso marcar data e horário para conhecer o local. A Igreja de São Pedro possui um altar magnífico com arquitetura barroca. A paróquia é dedicada ao padroeiro dos pescadores. Outro ponto importante é o Cemitério dos Judeus, do século XVIII.

O Algarve é o ponto alto do verão português

Faro, além de uma importante cidade histórica, e uma das principais cidades modernas da região. Foto: Wikimedia Commons

Lagos

A cidade cresceu em torno dos grandes descobrimentos. Foi aqui que Dom Henrique, o Navegador, se preparou para grandes
navegações pelo mundo afora. A cidade foi infelizmente local do primeiro mercado de escravos da Europa. Hoje, a cidade cosmopolita possui ótimos pontos a serem visitados. O Forte Ponta da Bandeira é uma fortaleza do séc. XVII e possui grandiosas muralhas que proporcionam uma viagem pelo tempo. Vale a pena visitar também a Igreja de Santa Maria, do
séc. XVI. Sua fachada exibe um portão renascentista lindo. E não se esqueça da Igreja de Santo Antônio. Seu interior possui
paredes e esculturas primorosas, com azulejos, trabalhos de madeira entalhada, dourada e pintada, típico do barroco.

LEIA TAMBÉM