Adotou um cãozinho vira-lata? Saiba tudo sobre seu novo amigo!

O cãozinho que não tem raça definida pode se tornar a melhor definição de amizade. Conheça a história e as características desse animalzinho

vira-lata
FOTO: Reprodução/Pixabay

O vira-lata é confundido com o cão mestiço, mas na verdade há diferença entre eles. O vira-lata é o cruzamento de cães sem raça definida entre si, e o mestiço nasce do cruzamento de dois cães de raças diferentes; normalmente ocorre por descuido dos donos ou interesse em obter um animal com características das duas raças cruzadas. Muitos cães abandonados por seus donos acabam gerando essa “raça” de cachorro. Quando adotado por um novo lar este cãozinho sabe ser agradecido, e se torna o mais fiel e dedicado amigo do dono.

FOTO: Reprodução

Origem – Existe em todas as regiões.

Pedigree – O SRD ou vira-lata é o cão sem raça definida. Normalmente é o cruzamento de diversas raças que gera um cão de aspecto homogêneo.
Utilização – Companhia e guarda.

vira-lata

FOTO: Reprodução/Pixabay

Características – É difícil prever tamanho, forma e peso deste cão. Normalmente a seleção da rua o deixa com as características de um cão forte e resistente a doenças. Porém, carente dos mesmos cuidados e atenção dispensados a um cão de raça pura.
Comportamento – O Vira-lata geralmente é carinhoso e amigável, extremamente fiel ao dono e à família. Ele se adapta ao comportamento do dono, de forma a copiá-lo. Então, se você leva uma vida agitada, a tendência é que seu amigão siga a sua rotina, mas se você é mais pacato e prefere ficar em casa, ele certamente curtirá uma preguiçinha gostosa ao seu lado.
Cuidados especiais – Se você adotar um vira-lata em abrigos ou na rua, não deixe de dar a ele o mesmo tratamento dispensado a um cão de raça. Nunca deixe de lado a vermifugação e vacinação.

LEIA TAMBÉM

Texto: Redação Edição: Ana Beatriz Garcia