Aceleradores do metabolismo: alimentos que você precisa inserir na dieta!

Conheça quais alimentos são considerados aceleradores do metabolismo e insira-os na sua dieta e acabe com os quilinhos a mais

Alimento que é um dos aceleradores do metabolismo
Foto: Shutterstock

Com o poder de aumentar o gasto energético do seu organismo durante o processo digestivo e metabólico, alguns alimentos são capazes de detonar os quilinhos a mais. Isso ocorre devido aos princípios ativos responsáveis por acelerar o metabolismo em cerca de 10%, já que o organismo encontra dificuldade para digerir esses alimentos e é obrigado a gastar mais energia para absorvê-los durante a digestão. Vale lembrar que para garantir um emagrecimento satisfatório é preciso seguir um plano nutricional balanceado, além de praticar atividades físicas regularmente. Confira os mais poderosos!

Alimento que é um dos aceleradores do metabolismo

Foto: Shutterstock.com

Vinagre de maçã

Melhora a atuação da insulina no organismo, evitando o acúmulo de glicose no sangue. A substância responsável por seu efeito é a pectina, uma fibra solúvel que se transforma em uma espécie de gel no estômago, capaz de controlar a fome e bloquear a absorção de gordura. Contém nutrientes como minerais, vitaminas e ácidos essenciais, além de possuir ação digestiva (contribuindo para a expulsão da gordura do corpo) e diurética (ajudando na eliminação do excesso de líquidos).

  • Dose termogênica: consuma 1 colher (chá) 2 vezes ao dia como tempero de saladas ou misturado em 1 copo (200ml) de água morna no desjejum.

Chá verde (Camellia sinensis)

A substância ativa dessa planta é a cafeína, que tem ação energizante, revigorando o organismo e elevando a disposição física. Além de combater o excesso de peso, a bebida previne o envelhecimento precoce da pele, fortalece o sistema imunológico, tem ação diurética e digestiva, e fornece minerais ao corpo, sendo um ótimo aliado na prevenção da osteoporose.

  • Dose termogênica: beba 4 xícaras (800ml) de chá verde ao dia (até às 18h, para não prejudicar o sono).

Pimenta caiena (ou pimenta vermelha)

É rica em capsaicina, a substância responsável pelo sabor picante e que favorece o aumento da quebra de gorduras. A pimenta vermelha também é capaz de inibir a sensação de dor, principalmente quando está relacionada aos nervos do corpo humano, já que a capsaicina impede que os nervos emitam sinais de dor ao cérebro.

  • Dose termogênica: consumir 3g ao dia como tempero de pratos quentes e de saladas pode aumentar o metabolismo em até 15%.

Contraindicações

Cuidado com os excessos! Uma porção de algum desses alimentos, por dia em sua alimentação, já é suficiente para obter os benefícios. Esses alimentos não são recomendados para pessoas que sofrem com cardiopatias, pressão alta, enxaqueca, gastrite, úlcera, insônia e alergias. Crianças, gestantes e lactantes também devem evitar os termogênicos.

Texto: Fernanda Vasconcelos/Colaboradora | Consultoria: Ângela Perrone, nutricionista de São Paulo; Carolina Paz, nutricionista SNC – Sports Nutrition Center, do Rio de Janeiro; Luciana Harfenist, nutricionista do Rio de Janeiro; Tamara Mazaracki, nutróloga e médica ortomolecular do Rio de Janeiro, www.tamaramazaracki.med.br

LEIA TAMBÉM