Confira 5 dicas para não engordar depois do casamento

Engordar depois da lua de mel é sina ou opção? As refeições são os momentos nos quais o casal fica junto em casa, mas não podem virar um problema na balança

casal jovem comendo café da manhã
FOTO: PureStock

Na vida a dois, a comida passa a ser o centro das atenções, já que, normalmente, as refeições são momentos nos quais o casal fica junto em casa. Muitas vezes, um quer agradar o outro com seus dotes culinários; as saídas para jantar fora ficam mais frequentes e a correria diária faz com o casal que aumente a ingestão de comidas congeladas e industrializadas.

Mas saiba que é possível aproveitar as delícias dessa etapa da vida sem engordar e ainda mandar as gordurinhas para longe!

casal jovem comendo café da manhã

FOTO: PureStock

Faça as escolhas certas

“A lista de compras é determinante”, afirma a nutricionista Heloisa Guarita Padilha. Comece escolhendo ingredientes mais saudáveis para o café da manhã como frutas, cereais e pães integrais, além de laticínios desnatados. Compre também alimentos para os lanches da manhã e da tarde para não pular as refeições, pois isso evita comer exageradamente e controla os ataques de fome.

Na hora da compra, resistir às tentações é fundamental, o que significa não levar para casa produtos muito calóricos. Portanto, quando estiver no mercado, passe longe das prateleiras de biscoitos doces e chocolates!

A nutricionista Fernanda Granja aconselha evitar essas guloseimas, assim como comidas congeladas e gordurosas, pois esses alimentos acabam dificultando o processo de mudança de hábitos. “Fica mais difícil controlar a vontade de comer quando os alimentos que devem ser evitados estão disponíveis”, evidencia Fernanda.

Bons Hábitos

1 – Faça refeições leves no jantar.

2- Se for petiscar, escolha alimentos saudáveis, como semente de abóbora, semente de girassol, castanhas (com moderação) ou frutas.

3- Quando for jantar fora, não saia de casa com fome! Consuma alguma coisa antes da refeição como suco de fruta natural sem açúcar ou caldo de legumes.

4- Escolha apenas um tipo de carboidrato por refeição. Evite comer pão, batata e arroz ao mesmo tempo.

5- Reduza as porções sempre!

TEXTO: Fernanda Vasconcelos/colaboradora
FONTE: Fernanda Granja e Heloisa Guarita Padilha, nutricionistas de São Paulo

LEIA TAMBÉM