10 truques para eliminar o excesso de gordura do seu cardápio

O excesso de gordura é um problema tanto para a saúde do organismo quanto para quem deseja emagrecer. Veja alguns truques para eliminá-la do seu cardápio!

ovo na frigideira sem gordura, pão integral e suco
Foto: iStock.com/Getty Images

1 – Invista em uma frigideira antiaderente

Para não usar excesso de gordura na hora de preparar os alimentos, nada melhor do que uma frigideria antiaderente. Com ela, você troca as frituras pelos grelhados e economiza em calorias.

ovo na frigideira sem excesso de gordura, pão integral e suco

Foto: iStock.com/Getty Images

2 – Atenção no preparo!

Você já reparou que a carne de frango solta uma mistura esbranquiçada enquanto cozinha na água? Ela nada mais é do que gordura pura. Remova com ajuda de uma colher.

SAIBA MAIS

Dietas rápidas são boas para emagrecer?

6 alimentos termogênicos que detonam as gorduras!

Mercado light: escolha os melhores produtos para o seu carrinho!

3 – Saiba escolher os alimentos

“Quando for comprar carne, opte por lagarto, alcatra, patinho, coxão duro e músculo, que são menos gordurosos”, explica Ellen Paiva, endocrinologista do Centro Integrado de Terapia Nutricional, de São Paulo (SP).

4 – Opte pelas versões light

As gorduras também estão presentes nos alimentos que são fontes de carboidratos, como pães, biscoitos recheados, bolos de massa pronta e até mesmo nos biscoitos água e sal. Drible o problema comprando as versões light desses produtos ou ficando atenta às proporções consumidas.

5 – Abra mão do leite integral!

Os laticínios integrais são as maiores fontes de gordura do café da manhã. Troque-os pelos laticínios light ou desnatados.

6 – O perigo das sobremesas

Assim como o sorvete, sobremesas que possuem margarina e leite integral na composição são uma bomba de gordura. Substitua essas tentações pelo picolé! O de limão, por exemplo, possui menos de 60 calorias e nenhuma grama de gordura.

7 – Cuidado com os queijos!

Reduza o excesso de queijo do seu prato, principalmente no caso das massas. Se a vontade de salpicar essa delícia no macarrão for maior, prefira ralar uma fatia média de queijo minas light ou cottage.

8 – Evite o excesso de gordura do óleo

O arroz e o feijão podem ser bem magros quando refogados apenas com alho, cebola, pouco óleo ou nenhum óleo, como é o caso do arroz japonês.

9 – Escolha os assados!

Nada de ficar secando os alimentos fritos no papel toalha. A melhor opção é trocá-los de vez pelos assados. “Não se engane quando a fritura aparentar estar bem sequinha. Todas, sem exceção, são muito gordurosas ”, alerta a endocrinologista Ellen Paiva.

10 – Dê adeus aos alimentos embutidos

Fuja dos presuntos, salames e outros embutidos. Todos, mesmo em suas versões light, contêm alto teor de gorduras.

Texto: Leonardo Valle/Colaborador | Consultoria: Ellen Paiva, médica endocrinologista do Centro Integrado de Terapia Nutricional, de São Paulo (SP)