As 11 coisas mais bizarras que já aconteceram no Big Brother

De participante sendo preso até gente invadindo o programa nua. Não faltam polêmicas no BBB!

Ana Paula do BBB16 -coisas mais bizarras que aconteceram no Big Brother
Foto: Reprodução/Tv Globo

O BBB é um dos reality shows mais amados da TV brasileira e um dos motivos é que a casa ferve a cada temporada, com novas intrigas, amizades e, é claro, esquisitices. Relembre as coisas mais bizarras que aconteceram no Big Brother.

As 11 coisas mais bizarras que aconteceram no Big Brother

1. Participante preso

O participante Laércio, do BBB16, foi preso pela Polícia Federal (PF) acusado de estupro de vulnerável. Segundo a PF, ele teria se envolvido com uma menina de 13 anos. Durante o programa, ele revelou que “gosta de se relacionar com meninas mais novas”, o que causou a fúria da sister Ana Paula.

Ana Paula e Laercio BBB16

Foto: Reprodução/Tv Globo

2. Invasão

Durante o BBB3, justamente numa noite de eliminação, uma mulher totalmente nua invadiu o estúdio do programa e tentou agarrar Pedro Bial. A moça, que se chama Maria Eliane, teve como motivação fazer “um protesto contra a mídia que não lhe permitiu lançar um CD”. Ela foi retirada pela produção em poucos segundos.

coisas mais bizarras que aconteceram no big brother

Foto: Reprodução/Tv Globo

3. Abuso

No BBB12, um participante também foi acusado de estupro e expulso no meio do programa. A enorme polêmica aconteceu quando Daniel, depois de uma festa, deitou-se na mesma cama que a sister Monique, que dormia. O rapaz a acariciou enquanto estava desacordada e foi acusado de estupro. A polícia chegou a ir até o Projac e uma denúncia foi aberta contra ele.

Monique e Daniel

Foto: Reprodução/Tv Globo

4. Rejeitada

No BBB5, a sister Aline recebeu o terrível título de uma das “mais odiadas do programa”. Em um paredão com Grazi Massafera, ela foi eliminada com nada mais nada menos do que 95% dos votos! A rejeição a ela foi tanta que o muro de sua casa chegou até a ser pichado com a expressão “X-9”. Relembre os participantes mais rejeitados do BBB.

Aline do BBB5

Foto: Reprodução/TV Globo

5. Expulsa

Apesar de ter se tornado uma das queridinhas do público do BBB, Ana Paula não chegou nem perto de vencer o programa – que foi conquistado por sua amiga, Munik. A sister foi expulsa da casa depois de perder a cabeça durante uma festa e dar dois tapas no rosto de Renan, já que agressões são severamente proibidas no programa.

Ana Paula do BBB16

Foto: Reprodução/Tv Globo

6. Distúrbios alimentares

O primeiro BBB registrou polêmicas bastante delicadas. A participante Alessandra Begliomini, a Leka, sofria de bulimia, um transtorno alimentar, enquanto participava do programa. Depois das refeições, a sister se trancava no banheiro e vomitava o que havia ingerido por medo de engordar. Infelizmente, na época o assunto sobre distúrbios alimentares era pouco debatido. Hoje ela superou a doença.

Leka do BBB

Foto: Reprodução/Tv Globo

7. Susto

Na quinta edição do BBB, um enorme susto acometeu todos da casa. É que a participante Marielza, que entrou no programa depois de uma promoção, sofreu um AVC depois de 10 dias de confinamento. A dona de casa foi prontamente atendida mas teve que abandonar o sonho de vencer o programa.

Marielza bbb5

Foto: Reprodução/Tv Globo

8. Pacto

Uma das coisas mais bizarras que aconteceram no Big Brother rolou na edição 7 do reality. É que os amigos Daniel Cobra e Alberto Caubói fizeram um pacto de sangue – literalmente. A repercussão do caso foi supernegativa e os dois foram repreendidos por Bial, que lembrou o mau exemplo que eles estavam dando principalmente pelo risco de transmissão de DSTs.

Daniel Cobra e Alberto Caubói

Foto: Reprodução/Tv Globo

9. Maus tratos

O brother Dhomini também protagonizou uma das coisas mais bizarras que aconteceram no Big Brother, com uma polêmica relacionada aos maus tratos aos animais. Durante uma conversa, ele teria revelado a Yuri que arrancou todos os dentes de um cachorro com um machado. Os telespectadores não gostaram nem um pouco da atitude e foi aberto até um inquérito da Delegacia de Repressão aos Crimes Contra o Meio Ambiente de Goiás, mas Dhomini desmentiu a história e disse que não era verdade. As investigações também não encontraram provas do crime.

Dhomini

Foto: Reprodução/Tv Globo

10. Racismo

No BBB14, logo na primeira festa, o brother Cássio foi repreendido depois de fazer comentários racistas contra a personagem de uma novela. O Ministério Público recebeu uma representação contra o brother, que chegou até a dizer que estava respondendo um processo pelo “assassinato de uma afrodescendente”, causado pelo tamanho de seu órgão sexual. “Uma afrodescendente costuma se relacionar com? Com afrodescendentes. Eu pensei: pô, aguenta tudo. E atravessei. Até hoje sou acusado de assassinato, entende?”, afirmou ele. O caso foi parar na justiça.

 

Cassio

Foto: Reprodução/Tv Globo

11. Explusão por agressão

No BBB17, o médico Marcos Harter foi expulso na reta final do reality por agredir Emily Araújo, com quem teve um relacionamento dentro da casa. Apesar do namoro, os dois sempre se desentendiam. Até que um dia o brother bateu com a cabeça de Emily no gramado enquanto rolava uma discussão. Emily foi campeã da edição e o caso foi parar na polícia.

Emily e Marcos Harter

Foto: Reprodução/Tv Globo

LEIA TAMBÉM: