Entrevista com Letícia Spiller

Avalie
Letícia Spiller

Foto: Roberto Filho e AgNews

Depois de encarar papeis densos em novelas do horário nobre na Globo, agora é a hora de Letícia Spiller se soltar e fazer algo para o público jovem e descolado de Malhação. E assim tem sido dar vida a “Laura”, que vive grandes dramas na sua vida de mulher que já perdeu um filho em um acidente, é separada e se apaixonou por um garoto. Letícia pega carona na temática dessa temporada da novela, o misticismo, e revela que já teve uma experiência paranormal na adolescência. A atriz também relembra seus dias de ‘Paquita’ e comenta sua carreira. Confira!

Guia Astral: Como você define a sua personagem em ‘Malhação’, que vive uma história bem dramática?
Letícia Spiller: “A ‘Laura’ é misteriosa. É uma mulher que está sempre trabalhando muito para dar uma boa vida aos filhos. E ela está carregando uma dor muito grande.”

Guia Astral: O seu visual para viver a ‘Laura’ está bem bacana. É diferente das outras que você tem feito. Se parece com o modo como você costuma se vestir?
Letícia Spiller: “As roupas da ‘Laura’ são lindas e femininas. Ela compra peças significativas e atemporais. Mesmo sendo vintage, as peças podem ser combinadas de acordo com o gosto de cada um e ganhar um ar moderno. No dia a dia, eu uso mais vestidos, mas vou adquirir esse hábito de usar saia com cinto, porque fica muito bonito.”

Guia Astral: O que acha das dificuldades que sua personagem está enfrentando por ter se apaixonado por um menino da idade do filho dela?
Letícia Spiller: “Acho engraçado, porque hoje em dia é tão normal esse tipo de relacionamento. O mais importante é a afinidade, é o amor, não a idade.”

Guia Astral: Essa temporada de ‘Malhação’ fala bastante de misticismo. O que você acha dessa temática?
Letícia Spiller: “Antes de eu ser ‘Paquita’, eu tive uma experiência paranormal na adolescência. Sempre tive o meu grupo de amigas e uma delas, que era mais chegada, viajou para o Chile. Senti muita saudade e queria de algum jeito me comunicar com ela. Foi então que comecei num grupo de meditação, pois eu era uma pessoa muito sozinha, apesar dessas amizades. Numa determinada hora, concentrei-me e imaginei essa amiga que lá no Chile, acordou e escreveu uma carta para mim. Acredito muito nessas coisas e sei que existem outras dimensões. Tudo está conectado!”

Guia Astral: Como tem sido contracenar com pessoas mais jovens?
Letícia Spiller: “Estou adorando contracenar com atores jovens, mas experientes. Todos com sangue novo e mais pureza.”

Guia Astral: Agora que você está de volta ao trabalho, como está arrumando tempo pra cuidar da Stella, sua filha recém-nascida?
Letícia Spiller: “É uma vida totalmente Rock’n Rolll. Várias vezes eu chego tarde em casa e ela está acordada. Para mim é ótimo, pois assim fico mais pertinho dela. Com o Pedro eu parei de trabalhar aos quatro meses e na gravidez dela eu fui até o final. Isso me dá muita energia.”

Guia Astral: Você tem dicas de beleza para compartilhar com a gente?
Letícia Spiller: “Eu me cuido, procuro não fumar, beber socialmente, ter uma vida saudável e com alimentação saudável. Evito frituras, mas se um dia eu tenho vontade, eu como, não sou radical. Eu não gosto de comer todos os dias na rua, mas se tiver que comer, gosto de comida natural, orgânica, sabe?! Quanto a pele, eu, que sou muito branquinha, procuro sempre usar protetor solar. Gosto de me exercitar, de fazer aulas de dança, yoga e musculação, que é mais uma obrigação, duas vezes por semana. Com as gravações, eu só estou conseguindo fazer a dança e caminhar na praia, ao ar livre.”

Guia Astral: Você mudaria alguma coisa no seu corpo?
Letícia Spiller: “Eu acho que não. Nós temos que aprender a se aceitar do jeito que nós somos! Por enquanto está legal! (risos).”

Guia Astral: Dizem que seu nome de Paquita ‘Pastel’ deve-se ao fato de ser muito distraída e pagadora de mico. Qual o maior mico que pagou na época em que trabalhou com a Xuxa?
Letícia Spiller: “Acho que foi escorregar logo na nossa entrada para um show no interior de alguma cidade que agora não lembro (risos).”

Guia Astral: É verdade que recusou interpretar o personagem ‘Jade’ da novela ‘O Clone’? Em algum momento chegou a se arrepender por não ter aceitado o papel?
Letícia Spiller: “É verdade. Cada coisa tem seu tempo. Precisava realizar um projeto de teatro muito importante para mim e não me arrependo de nada.”

Guia Astral: Se você não fosse atriz, que outra profissão teria?
Letícia Spiller: “Escritora? Socióloga? Ainda penso em fazer isso.”

Entrevista: Ester Jacopetti/Colaboradora

Mais lidas