Conheça qual é o seu signo árabe

Avalie

Você já ouviu falar em horóscopo árabe? Assim como nos signos dos zodíaco, 12 símbolos representam as diferentes personalidades de cada pessoa. Os signos também são definidos conforme a data de nascimento da pessoa.

Historiadores relatam que a astrologia nasceu na Suméria, na costa do Golfo Pérsico por volta de 2700 anos antes de Cristo. A descoberta disso foi possível depois de terem sido encontradas pequenas tábuas com assuntos da Astrologia.

Foto: Shutterstock Images

Foto: Shutterstock Images

Entre os anos 750 a 1550 d.C., a Astrologia se expandiu e se encontrou com teorias de diferentes povos árabes, persas, sírios, turcos, entre outros. Desta fusão, originou-se a astrologia árabe.

Os povos desta época tinham a crença em seres guardiões, como anjos ou gênios. Os djins (gênios) são os anjos na astrologia sumeriana. Existiam djins bons e maus.

__________________________________________________

Leia Mais:

Signos e dinheiro: como cada signo vê a vida financeira

Momentos difíceis: como os signos agem em situações complicadas
__________________________________________________

Da mesma superstição, nasceu o “zodíaco de armas”, com uma ideia bem menos fatalista do que a das outras doutrinas astrológicas daquele tempo. O fatalismo é a doutrina segundo a qual os acontecimentos são fixados com antecedência pelo destino.

Conheça os signos árabes:

Funda (21/01 a 18/02)
Foi com uma funda (equivalente ao estilingue) que Davi venceu o gigante Golias. Representa a perspicácia, a vitória do fraco sobre o forte. As pessoas deste signo são criativas e tem uma memória muito boa. São pessoas que na maioria das vezes se encontram em posições de comando, com visão otimista e objetiva.

Machado (19/02 a 20/03)
Considerada uma arma perigosa, o machado está associado à tempestade, raios e trovões. É símbolo do poder da divisão e da união em algumas tradições. As pessoas deste signo são marcadas pelo desprendimento e do cultivo da esperança de um mundo melhor. Busca uma vida calma, confortável e segura em sua luta diária.

Punhal (21/03 a 20/04)
É o símbolo do combate. Para utilizá-lo é necessário ter coragem. As pessoas deste signo são realistas, imediatistas e intuitivas. Ser guiada pelo instinto torna a pessoa de Punhal um pouco imprevisíveis. Possui uma sinceridade acentuada.

Clave Rústica (21/04 a 21/05)
É a arma de Hércules, usada para a defesa, pelo seu poder de vida e morte. A pessoa que está sob a regência deste signo tem a característica de ser determinada e mais paciente, sabendo ouvir e compreender. É uma trabalhadora incansável. Não costuma mostrar todo seu potencial de inteligência. Independência, foco e responsabilidade fazem parte da vida dessas pessoas.

Maça de Ferro (22/05 a 21/06)
É a arma do desembaraço, da última chance. As pessoas deste signo não são vencidas pela dificuldade facilmente. Vai para a batalha com muita energia, mesmo sabendo que não será fácil. Possui raciocínio rápido e é falante. É amorosa, mas não costuma demonstrar muito esse lado.

Cutelo (22/06 a 22/07)
O cutelo tem uma simbologia que remete à experiência. Nada passa despercebido pelos olhos da pessoa deste signo. Populares e sagazes, também podem ser explosivas e impacientes. Entretanto, como o humor destas pessoas muda como as fases da lua, elas também tem seus momentos bondosos e compreensivos.

Espada (23/07 a 23/08)
É a arma da dignidade, justiça e da ordem. Simboliza o poder e valor reconhecido. Pessoas do signo de Espada são batalhadoras e dinâmicas, o que as torna um tanto agitadas. Contagia as pessoas ao redor e não é difícil encontrá-las em posições de liderança. Na vida sentimental é inconstante, dificilmente se preocupa com quem ficou para trás.

Faca (24/08 a 23/09)
É o símbolo do bem e do mal. Pode ser utilizada para cortar um pão ou matar alguém. As pessoas deste signo são muito exigentes. Na caminhada da vida, gosta de ter cautela. Não deixa escapar oportunidades e sabe administrar suas eficiências para abrir caminhos nos momentos certos.

Corrente (24/09 a 23/10)
É a arma dos gladiadores. Para os árabes, é a arma do dinheiro. Três virtudes definem bem as pessoas de Corrente: inteligência, honestidade e constância. Elas odeiam a infidelidade e gostam de viver em harmonia. Diplomáticas, possuem capacidade para eliminar problemas e ajudar pessoas. Gosta de compartilhar e é sensível e delicada.

Punhal Árabe (24/10 a 22/11)
Arma destinada ao combate, simboliza a agressão imprevista. Quem está sob a regência do Punhal Árabe traz consigo os extremos do bem e do mal. É crítica, exigente e pode ser considerada implacável. Não gosta de perceber que errou e nem que o contestem. É muito séria na busca de um ideal previamente traçado.

Arco (23/11 a 21/12)
É uma arma que exige concentração e sua simbologia é a busca de perfeição, material e espiritual. Dons como a sensatez, requinte e bondade são características de Arco. Estas pessoas não se abatem pelas dificuldades e não fazem nada antes de traçar uma meta. Devem tomar cuidado com a benevolência extrema, para não se dedicar a falsos amigos sem perceber.

Lança (22/12 a 20/01)
A simbologia da Lança é o código de honra e a sabedoria. Pessoas deste signo são amáveis, gentis, agradáveis e sinceras. Estão sempre inventando, criando alguma coisa, mesmo sem saber no que exatamente vão usar suas ideias. Detalhista e adaptável, se saem bem de situações arriscadas. Possuem capacidade de disciplina e organização, tentando sempre colocar ordem em tudo.

Consultoria: Ira Pepino

Mais lidas