O pai da minha amiga

Avalie

Em um dia qualquer, depois de uma aula eu fui à casa da minha amiga para fazer um trabalho da faculdade. Chegamos e o pais dela estava em casa, sentado no quarto dele, mas passei direto, pois até então não tinha nenhuma intimidade com ele.

Os dias foram se passando e eu passei a ir na casa dessa amiga frequentemente. E, aos poucos, começou a rolar um clima entre nós… Marcamos um dia para irmos a um lugar mais íntimo e eu topei. Nós jantamos e bebemos muito vinho. Eu já não aguentava mais quando entrei no carro e fui jogando umas indiretas. Comecei ali no carro mesmo! Enquanto ele dirigia, fui aproveitando e fazendo carinhos nele… Fomos terminar nosso lance no motel onde transamos loucamente!

Hoje em dia, quando o vejo não consigo segurar meu sentimento e só de vê-lo me masturbo! Isso acontece há três anos e me sinto muito feliz sendo a amante do homem da minha vida.

Mais lidas