No quarto sem porta

Avalie

Eu e meu namorado costumávamos fazer amor na casa de minha cunhada, bem longe de nossas casas… só que, neste dia, ela estava com um monte de gente na casa dela e nós estávamos com uma vontade imensa de transar pois estávamos a uma semana sem fazer nada porque não dava tempo já que ele trabalhava e eu estudava a tarde…

A noite, eu fui pra casa dele e no quarto dele tinha duas beliches que ele e os irmãos dele dormiam. A mãe dele tinha chegado do trabalho e os irmãos dele estavam na rua como sempre. Nós estávamos deitados em cima da beliche e tinha um pano que cobria a parte de baixo. Foi ai que ele me convidou para nós descermos para essa parte coberta. Como sou ousada, eu o provocava demais e ele ficava muito excitado! Só que a mãe dele estava acordada e os irmãos, justo nesse dia, voltaram muito cedo da rua! Eu estava doidinha para ir até as nuvens e, por isso, a gente continuou a se cariciar um ao outro e o tesão só aumentava! Então, mesmo com cinco irmãos em casa e a mãe dele acordada, não resistimos um ao outro!

Eu comecei a chupá-lo todinho da cabeça as pés e ele em mim também! O quarto dele não tinha porta e toda hora os irmãos dele entrava para pegar uma coisa lá dentro e, mesmo assim, não paramos de jeito algum! Transamos sem parar e para mim este dia foi inesquecível!

Depois de tudo saímos para frente da casa morrendo de vergonha e o pior é que a mãe dele sabia tudo que nos estávamos fazendo debaixo da beliche! Fiquei muito sem graça e não falei um piu e pedi para ele mim levar pra casa…

Mais lidas