Carícias na pracinha

Avalie

Eu estava bebendo vinho com umas amigas em um bar perto próximo ao meu emprego. Saí de lá já meia zonza, sozinha, para pegar o ônibus de volta para casa. O ponto era numa pracinha ali perto e lá dei de cara com um ficante! Na hora, começamos a nos beijar ali na praça e fiquei em um tesão incontrolável e ele também!

Procuramos uma parte mais escura, e começamos a nos acariciar quando ele pediu que eu o chupasse. Aceitei, e deixei ele maluquinho. Comecei passando a língua pela barriga, fui descendo e lambi lentamente o pênis dele. Quando senti um calafrio de tesão dele, aumentei a velocidade. Colocava o que podia dentro da boca e chupava com gosto. Quanto mais eu chupava, mais me excitava até ele gozar bem na minha boca! Foi ótimo mesmo não gozando naquela noite, o medo de sermos pegos foi excitante, e vê-lo maluquinho já foi o suficiente.

Mais lidas