Estresse pré- festas de fim de ano

Avalie
Estresse pré- festas de fim de ano

Foto: Shutterstock/Images

O fim do ano é um período de grande estresse por juntar vários fatores: são festas, preparativos para receber amigos e familiares,  agendamento de viagens, presentes e as prováveis contas que virão após esse período. Além disso, as expectativas em relação ao ano novo se juntam com os sonhos e desejos de realização.

Sinais do estresse

Segundo a psicóloga Rosa Castro, o estresse é um mecanismo primordial de manutenção da vida. “ Ele nos informa sobre possíveis perigos e ameaças  que podem afetar o nosso equilíbrio interno. Nossos próprios pensamentos, julgamentos, expectativas são os maiores responsáveis  pelo nosso estresse”, afirma ela.

Mas é possível perceber alguns sinais que fogem do comportamento habitual e que podem indicar estresse.

Alguns dos sintomas são: crise de ansiedade, insônia, falta de ar, palpitações, pressão arterial elevada, fadiga, dificuldades para dormir, dores no estômago, dor de cabeça, dores nas costas e dores musculares.

Como lidar com o período de estresse

Nem sempre é possível ter um tempo para si mesma durante esse período. Mas a prática de se cuidar  é importante para o  corpo, para que você consiga se equilibrar neste momento de pressão.

O hábito de praticar exercícios  é muito bem- vindo. Outra boa forma de lidar com esse período é fazer pausas ao longo do dia, buscando respirar de forma profunda e apreciar o ambiente ao seu redor.

A alimentação também auxilia na hora de lidar com o estresse. Prefira fazer refeições com alimentos leves, sempre ao lado de amigos e familiares com quem  possa ter momentos de bom humor.

A ideia principal para não cair nas neuras do fim do ano é entrar mais vezes em contato com o seu observador interno, ou seja, olhar mais para si mesma e certificar-se de que seus pensamentos não estão sendo negativos.

Pergunte-se:

“Vale a pena me estressar com isso?”

“O que eu posso fazer hoje para me manter calma e tranquila?”

Segundo Rosa Castro, algumas perguntas são essenciais. “Perguntas criativas são o melhor remédio contra o estresse.  Afinal você é quem está no comando de sua mente”, comenta.

O que fazer com o estresse?

Se você já está em um nível muito alto de estresse e não consegue mais se manter calma diante de alguma situação cotidiana, uma das saídas é buscar sessões de psicoterapia.

A psicóloga afirma que a tendência é que o estresse diminua ou até mesmo desapareça após as festas de fim de ano, quando a rotina volta ao normal.

Mais lidas