Perigo na paquera: como identificar se o cara é problema

Assim como a personagem Lucimar, de Salve Jorge, muitas mulheres começam um relacionamento com homens cafajestes ou mentirosos sem perceber que estão sendo enganadas. Na novela, Lucimar acredita que seu namorado Russo é um dono de um café na Turquia, quando na verdade ele está envolvido com o tráfico de mulheres. Saiba como evitar o envolvimento com um “homem-problema” e buscar um companheiro que valha a pena:

 

Homem na cama com duas mulheres

Foto: Shutterstock Images

Identificando o sujeito

A psicóloga e terapeuta de casais Miriam Barros dá dicas de como identificar um homem mentiroso:

– O indivíduo começa a mudar os compromissos na última hora;

– Diz que falou uma coisa quando na verdade falou outra;

– Conta histórias esquisitas para justificar alguma falha sua;

– Nunca reconhece os próprios erros ou defeitos;

– Se coloca sempre numa posição de vítima;

– Nunca conta nada sobre a própria família;

– Fala apenas de coisas fúteis;

-Só fala brincando e foge de qualquer conversa séria.

“Essas são algumas dicas, mas é lógico que somente a convivência e a consistência nas atitudes é que vão mostrar se realmente ele é um homem – problema”, explica a terapeuta.

“Será que estou sendo enganada?”

Existem meios de perceber se a relação não vale a pena. O homem, muitas vezes, não faz questão de esconder suas atitudes desrespeitosas. Segundo a especialista, se o parceiro ficar frio e distante de repente, pode ser um indício de que ele está enganando a mulher : “Se o homem evita ficar a sós com ela; se sai para atender o celular longe; se esconde as mensagens que recebe; se começa a ficar muito ausente; se evita carinhos e sexo; se fica bravo com qualquer pergunta; se dá desculpas esfarrapadas para as suas ausências e mancadas… Essas são algumas pistas, mas existem homens que são muito bons em disfarçar e esconder o que estão fazendo”.

Ousadia que encanta

Grande parcela do público feminino é atraída pelos “cafajestes”, isto é, homens que não se prendem a uma mulher só e gostam de iludir as parceiras. “Infelizmente, os homens cafajestes são muito sedutores, têm mais traquejo e são mais ousados. A maior parte das mulheres se encanta com isso”, conta a psicóloga.

Como encontrar o parceiro ideal

Encontrar o parceiro ideal não é uma tarefa fácil, mas não é impossível: antes de engatar em um relacionamento sério, que tal prestar mais atenção nas atitudes do paquera? “Existem muitas coisas que as mulheres podem observar, como por exemplo: se ele é consistente naquilo que fala e nos compromissos que combina; se ele liga, manda mensagem; se ele faz questão de saber o que a mulher prefere e onde ela gostaria de ir; se ele leva as coisas profissionais a sério; se tem família e como se relaciona com ela…o importante é saber o que você procura num parceiro e quais os valores e características são importantes para você”, conclui a terapeuta.

 

Consultoria: Miriam Barros é especialista em Terapia Familiar, Psicodrama e Coaching. Atua há mais de 15 anos como psicóloga clínica na área de transtornos do humor, distúrbios comportamentais e relacionamentos familiares. Tem ampla experência no atendimento de crianças, adolescentes e adultos. Site: www.miriambarros.com.br

Mais lidas