Lanches saudáveis para crianças

Lanches saudáveis para crianças

Foto: Thinkstock/Getty Images

A hora do recreio é um momento importante para a saúde das crianças. Antes de levar os filhos na escola, preparar a lancheira com os alimentos corretos é ideal para que eles não consumam nada gorduroso ou que prejudique a saúde. Veja dicas para não errar na educação alimentar dos pequenos:

O que é recomendável?

A nutricionista Andrea Uzeda, da Clinica Dicorp, explica o que deve conter na lancheira das crianças: “O ideal é que a lancheira possua alimentos energéticos como os carboidratos, ricos em vitaminas e minerais para a melhora de concentração e memória como as frutas e um líquido para hidratação”. Confira os tipos de lanchinhos recomendados:

Carboidratos: pães, bolos simples, biscoitos sem recheio. Sempre que possível dê opção pelos alimentos integrais. Caso queira pode adicionar uma fonte de proteína como queijos (dê preferência aos brancos, peito de peru, blanquet, requeijão).

Frutas: todas, variando sempre que possível

Líquidos: sucos naturais, iogurte, água de coco, leite fermentado


Lanche rápido

Mesmo que a mãe tenha pouco tempo para preparar o lanche do filho, é importante que ele seja feito no mesmo dia. “O ideal  é que os alimentos sejam preparados no dia, pois durante o preparo, o transporte e a espera pelo consumo,  já haverá uma perda de nutrientes. Se o preparo for feito com muita antecedência essa perda será ainda maior”, explica Andrea.

Lanches saudáveis para crianças

Foto: Thinkstock/Getty Images

 

Importância da alimentação

Além de ser a hora de interagir com os amiguinhos, as crianças precisam de uma refeição saudável durante o intervalo das aulas. A nutricionista aponta: “O lanche é de extrema importância, pois sendo este nutritivo, contendo todos os grupos alimentares, como carboidratos, proteínas, vitaminas e minerais são responsáveis por um melhor desempenho escolar, auxiliando na capacidade de  aprendizado e assimilação dos conhecimentos”.

E lanches na cantina?

A criança pode consumir alimentos na cantina, caso a mãe não tenha tempo de preparar nada. Porém, é importante ficar atenta aos lanches vendidos no colégio. “Algumas escolas já possuem lanches com um baixo teor de gordura, sódio e açúcar. A melhor opção é dar preferência por sanduíches com queijos magros, salgados assados, sucos de frutas e iogurtes em substituição aos salgados fritos. Caso a cantina não possua opções saudáveis para as crianças, as mães devem preparar as lancheiras com objetivo de proporcionar uma alimentação equilibrada para seus filhos”, acrescenta a especialista.

 

Consultoria: Andrea Uzeda, nutricionista da Clínica Dicorp Barra


Mais lidas