Entrevista com Reynaldo Gianecchini

Reynaldo Gianecchini volta a estrelar a peça Cruel, projeto do qual o ator estava afastado por conta do tratamento contra o câncer. Recuperado, Giane não se cansa de agradecer o apoio que recebeu da mãe e das irmãs: “não tem como explicar, família é uma força maior!” Além disso, Giane fala sobre o carinho dos fãs e o que conseguiu aprender com esta  nova fase. Confira a entrevista:

 

Entrevista com Reynaldo Gianecchini

Foto: Zé Paulo Cardeal / Rede Globo

Guia da TV: Como foi retornar aos palcos?
Gianecchini: “O retorno foi possível por causa da ajuda de nossas produtoras e do nosso diretor. Uma equipe pequena e feliz. Não tenho como mensurar a felicidade de estarmos de volta.”

Guia da TV: Como é a relação com a sua família? Eles te apoiaram neste momento?
Gianecchini: “Quero agradecer a uma pessoa que tenho a honra de ter na minha vida: um ser iluminado, que eu tive a sorte de ter como mãe. Pessoa mais feliz, mais parceira e com o coração mais lindo que eu já vi na vida. Além da minha mãe, as minhas irmãs queridas também são superpresentes na minha vida. Não tem como explicar, família é uma força maior.”

Guia da TV:Como foi o carinho dos fãs durante a sua recuperação?
Gianecchini: “Muita gente participou desse processo. As pessoas não estavam perto, mas torceram por mim. Outras que eu nem conheço, mandaram força e luz. Recebi muito carinho!”

Guia da TV: E a equipe médica?
Gianecchini: “Nesses meses todos fiquei muito emocionado. As pessoas têm uma vocação e exercem lindamente a profissão. Eu me deparei com uma turma que me mostrou, além da competência, um amor e respeito ao ser humano. Fiquei muito impressionado. Como é bonito esse amor! Eles fazem parte desse processo por eu estar aqui e farão parte muito importante da história da minha vida.”

Guia da TV: O que você aprendeu nesta fase?
Gianecchini: “Eu fiquei muito emocionado com tanto amor e carinho que recebi esse tempo todo. O sentido que a gente busca na vida é aprender a amar. Estamos aqui para trocar!”

Mais lidas