Entrevista com Raphael Viana

Entrevista com Raphael Viana

Foto: João Miguel Júnior / Rede Globo

 

Raphael Viana começou a estudar teatro por insistência dos pais por conta da timidez durante a adolescência. Hoje, 13 anos depois, o ator já tem no currículo: oito trabalhos na tevê,  três filmes e duas peças de teatro. Além disso, é considerado um dos galãs da nova geração e tornou-se exemplo de dedicação, disciplina e serenidade. E ele tem apenas 28 anos! Sempre com os ‘pés no chão’, Raphael só tem a agradecer pela oportunidade de poder participar de bons trabalhos. No ar como o caipira apaixonado Josué de Amor Eterno Amor, Raphael fala sobre o personagem, a preparação para o novo trabalho, revela como mantém a boa forma e muito mais! Confira:

 

Guia da TV: Como está sendo interpretar o Josué em Amor Eterno Amor?
Raphael: “Está sendo ótimo! O Josué faz de tudo para conquistar a Valéria, personagem de Andréia Horta. Mas ela é apaixonada por Carlos, personagem de Gabriel Braga Nunes. Para mim, a Valéria é o grande amor da vida do Josué. Então acho que ele vai continuar lutando para conseguir ser feliz ao lado dela.”

Guia da TV: E como surgiu o convite para você estar na trama?
Raphael: “Foi uma surpresa maravilhosa. Foi um convite que partiu do Papinha e da Elizabeth Jhin. Eles tinham assistido o meu trabalho em Araguaia e me convidaram para este papel.”

Guia da TV: Você já tinha tido algum contato  com cavalos antes?
Raphael: “Já. Eu já fiz dois trabalhos em que eu precisava montar. Agora eu fiquei mais seguro na hora de gravar. A gente teve uma experiência de tocar uma manada 600 búfalos! Mas eu já tinha certa desenvoltura para fazer isso com mais facilidade.”

Guia da TV: E como você lida com esses animais? Sente algum medo?
Raphael: “
É um animal de 800 quilos! Então tem que ter cuidado. Mas a gente ficou muito tempo lá, se familiarizando e fomos entendendo quais o lugares mais tranquilos para chegar perto do animal. Chegar devagar, com respeito.  Quando você chega com respeito é tranqüilo.”

Guia da TV: Você já conhecia Marajó?
Raphael: “Não, e nem os búfalos. Foi ótimo, o lugar é lindo, natureza primitiva, aves inacreditáveis.”

Guia da TV: E como foi o clima de gravações em Marajó?
Raphael: “A gente ficou junto em uma pousada. Principalmente nós três: eu, o Gabriel Braga Nunes e o Erom Cordeiro. Nós três ficamos mais amigos.”

Guia da TV:Você já interpretou três personagens do campo. Já pensou em dar uma fugida para um papel mais cosmopolita?
Raphael: “Não é uma preocupação minha. Em Morde & Assopra, eu fiz um médico também. Mas, enquanto tiverem bons personagens para eu fazer, estou satisfeito.”

Guia da TV: O que você faz para manter a boa forma?
Raphael: “Estou correndo. Tive um problema no joelho por causa da Dança dos Famosos, mas voltei a correr agora.”

Guia da TV: O seu personagem tem alguma sensualidade? É um descamisado?
Raphael: “Eu acho que para ser sensual, não precisa estar sem a camisa! (risos) Para um homem conquistar uma mulher, ele tem que mostrar alguma coisa. E o Josué  é um cara que dança superbem, uma dança muito sedutora.”

Guia da TV: E como foi a preparação para dançar os ritmos da Pará?
Raphael: “Lá em Marajó teve um dia em que veio um grupo da região dançar para gente. Eu fiquei no meu canto, sentado, quietinho. Mas assim queo grupo começou a dançar, a música me contagiou de uma maneira que eu  já comecei a batucar na cadeira! Daí, o vocalista do grupo me chamou para tocar um atabaque enorme, de madeira. Fui pra o atabaque e não parei mais. Fiz uma bolha de sangue na mão! Ainda entrei no carimbó dançando, cheio de gás. Até falei: ‘nasci para esse negócio!’. Fiquei todo feliz!”

Mais lidas