Entrevista com Marisa Orth

A divertida Marisa Orth, intérprete da memorável Magda do seriado Sai de Baixo, estará de volta à tevê nesta segunda-feira (dia 29), na nova novela das sete da Rede Globo, Sangue Bom. Em entrevista à Revista Guia da Tevê, a atriz falou sobre Damaris, seu personagem na trama de Maria Adelaide Amaral e afirmou que o famoso seriado dos anos 90 vai voltar. Veja a nossa conversa:

 

Entrevista com Marisa Orth

Foto: Reinaldo Marques/Rede Globo

 

Guia da Tevê: A Damaris é uma mulher exagerada. A Marisa também é assim? A maioria dos seus personagens são expansivos…
Marisa: “Tenho muita experiência de teatro. É o meu jeito de trabalhar. O maior sucesso que eu fiz na minha vida, o Sai de Baixo, era teatro filmado. Tenho orgulho de falar da minha quilometragem nos palcos. Faço muitos shows. Encerrei uma temporada muito feliz do musical A Família Addams. Eles tendem me dar esses papeis mais teatrais, porque têm pessoas assim na vida, eloquentes, com gestos enormes.”

Guia da Tevê: A Marisa é mais contida, então?
Marisa: “Na vida real não sou tão divertida, mas também não sou tímida. Sou aquela que puxa papo no elevador. Outro dia não deixei um homem dormir ao meu lado, no avião. Ficava mostrando as reportagens da revista (risos).”

Guia da Tevê: Você citou o Sai de Baixo, o programa vai voltar mesmo?
Marisa: “Vai sim. O Miguel Falabella ainda vai escrever. Ele é uma máquina de trabalhar, não para.”

Guia da Tevê: Você costuma assistir a reprise do seriado no canal Viva?
Marisa:
“Não gosto. Não tenho muito prazer em me ver na TV, me assisto quando necessário.”

Guia da Tevê: Moradora de São Paulo, como está sendo falar da cidade, em Sangue Bom?
Marisa:
“Pelo menos o sotaque eu tenho ‘né meu!’, isso ninguém me tira (risos).”

 

Entrevista com Marisa Orth

Foto: Zé Paulo Cardeal/Rede Globo

 

Guia da Tevê: Família Addams fez muito sucesso em São Paulo e no Rio de Janeiro. Como descreve essa experiência dos palcos?
Marisa: “Foi uma grande alegria, um baita sucesso, me emociono até hoje.”

Mais lidas