Entrevista com Ana Lúcia Torre

Entrevista com Ana Lúcia Torre

Foto: Rede Globo

 

Ana Lúcia Torre se prepara para interpretar o maior personagem de sua carreira. A atriz de 66 anos é a protagonista da nova novela das seis, Amor Eterno Amor, que estreia nesta segunda. Ana Lúcia vai dar vida à Verbena, uma rica empresária que luta para encontrar o filho Rodrigo, personagem de Gabriel Braga Nunes. Depois interpretar a divertida Tia Neném, em Insensato Coração, Ana Lúcia recebe o desafio de fazer esta personagem sofrida com uma carga dramática muito forte. Nesta entrevista, a atriz comenta o lado espiritual em sua vida, fala sobre as mudanças de visual da sua personagem e ainda comenta sobre alguns colegas de elenco. Confira:

 

Guia da TV: Como é a sua personagem?
Ana Lúcia: “A Verbena é uma mulher de fibra, que teve seu filho seqüestrado quando ainda era uma criança. Ela é uma mãe que não desiste do filho!”

 

Guia da TV: Você chegou a conhecer algumas mães que tiveram seus filhos desaparecidos?
Ana Lúcia: “Não.”

 

Guia da TV: O que você falaria para elas?
Ana Lúcia: “Eu diria que elas não podem desistir jamais! Tem que ir para a rua, colocar anúncio do jornal e na internet. Elas nunca podem desistir. Nunca!”

 

Guia da TV: Você vai fazer uma personagem muito sofrida. É difícil fazer cenas carregadas assim?
Ana Lúcia: “A personagem tem tristeza, mas ela é uma pessoa muito pra cima! Ela tem muita alegria, brinca muito com as pessoas. Claro que, de vez em quando, ela dá uma murchada. Mas ela não transformou este fato da vida  em um buraco negro. Muito pelo contrário! Ela fez esse buraco ser transformador para ela própria. Para ela se tornar melhor e mais entregue a vida!”

 

Guia da TV: Foi curioso voltar a gravar com o Gabriel Braga Nunes depois de tudo que o personagem dele fez para a Tia Neném em Insensato Coração?
Ana Lúcia: “E ele é o meu filhão nesta novela! (risos) Quer dizer, eu ainda não gravei com ele. Eu vou gravar muito pouco com ele, talvez só  quatro capítulos. Mas acho uma delícia!”

 

Guia da TV: Como é a peruca que você vai usar na novela?
Ana Lúcia: “No primeiro capítulo eu tenho uma peruca longa porque começa a personagem vinte e poucos anos mais jovem. E ela é toda cortada em camadas. Depois eu uso uma peruca branca bem bonita, com um corte bem moderno.”

 

Entrevista com Ana Lúcia Torre

Foto: Rede Globo

Guia da TV: Qual é a relação da Verbena com a personagem da Cássia Kiss Magro e do Carmo Dalla Vecchia?
Ana Lúcia: “Ela gosta muito do sobrinho, que é o Carmo. A Verbena acredita que ele é do bem, e na verdade, ele não é totalmente do mal. Ele sofre com a influência péssima da mãe, que é a personagem da Cássia. Já com relação a irmã, é nítido durante a novela que ela sabe quem é apersonagem da Cássia, ela sabe o que a irmã faz, ela sabe as armações e as intenções da irmã. ”

 

Guia da TV: A Elizabeth Jhin disse que sua personagem morre e consegue encontrar o filho. É isso?
Ana Lúcia: “Isso mesmo. E ela continua na novela como espírito!”

 

Guia da TV: Quando é o reencontro?
Ana Lúcia: “Ela reencontra o filho mais ou menos no capítulo 17. Vai ser um reencontro muito emocionante. De muita alegria!”

 

Guia da TV: E qual será a função da sua personagem da trama depois que ela virar um espírito?
Ana Lúcia: “O intuito é ajudar o filho durante a vida. Até que ponto eu não sei. Não sei até que momento ela vai ficar do lado dele e quando ela vai embora definitivamente.”

 

Guia da TV: Você se interessou mais sobre o espiritismo depois de receber o personagem?
Ana Lúcia: “Eu sou espírita. A minha família inteira é espírita. Desde criança eu sou. Desde quatro ou cinco anos eu já entendia o que se passava.”

 

Guia da TV: Isso facilitou na hora interpretar a personagem?
Ana Lúcia: “Muito! Porque você já tem um entendimento da coisa,  já está inserido, você convive com aquilo. Aquilo faz parte da sua vida. Como eu convivo com isso desde pequena, foi uma coisa que jamais me perturbou, sempre esteve ao meu lado. Então dá mais tranqüilidade.”

 

Guia da TV: Você já teve alguma experiência com mediunidade?
Ana Lúcia: “Eu não sou médium vidente, portanto não vejo. O meu pai era. Ele exercia toda essa mediunidade. Por isso que para mim é absolutamente normal. Mas cada um de nós tem uma espécie de mediunidade. E que você desenvolve mais ou menos. Todos somos iguais, feitos de energia! Alguns desenvolvem mais, outros menos. Então, cada um tem a sua.”

 

Entrevista com Ana Lúcia Torre

Foto: Rede Globo

Guia da TV: Por que você acha que o espiritismo passou a ser retratado em tantas obras e ficou tão popular?
Ana Lúcia: “Acho que a gente está em um mundo tão maluco, que cada vez mais as pessoas estão buscando o lado espiritual, não espírita! Estão buscando mais a religião. E é um tema que tem tido muita adesão. E a Elizabeth Jhin escreve para esse lado da espiritualidade. Mas já está cientificamente provado que tudo é energia! Nós somos energia, pedra é energia, tudo que está acontecendo aqui é energia, molécula. Acho tudo isso muito interessante.”

 

Guia da TV: Constantemente a gente escuta as atrizes com a sua experiência, com anos de carreira, que se queixam de não terem mais tanto espaço nas tramas. Você sente isso?
Ana Lúcia: “Nunca senti isso. Principalmente porque nós temos uma profissão que nos permite trabalhar até os 90 anos de idade. Porque sempre tem uma avó, uma velhinha fofoqueira, uma síndica de prédio, uma matriarca… Isso é uma benção! Até hoje eu nunca passei por isso. Até porque eu faço muito teatro. A minha formação é toda de teatro e eu não passo um ano sem fazer uma peça. Tem sempre alguma coisa para fazer.”

 

Guia da TV: Qual a peça que você está em cartaz em São Paulo?
Ana Lúcia: “Se chama Como se Tornar uma Supermãe em Dez Lições. É uma comédia onde eu sou uma mãe judia. Devemos ficar em São Paulo até junho e julho porque, graças a Deus, o teatro está lotado. E provavelmente também vamos para o Rio.”

 

Guia da TV: Você é uma atriz vaidosa?
Ana Lúcia: “Nem um pouco. As maquiadoras correm atrás de mim e os cabeleireiros também. Eles sofrem. Hoje eu to maquiada não sei como. Porque eles me sentaram na cadeira e praticamente me obrigaram.” (risos)

 

Guia da TV: E exercícios? Você faz?
Ana Lúcia: “Eu procuro caminhar bastante. E outro segredo é que eu sou muito feliz. A alegria ajuda muito! E depois, eu tenho dois netos. Se eu não ficar jovem com dois netos, eu não sei como vou ficar!”

Na semana do Dia Internacional da Mulher, que tal brincar um pouquinho com a gente? Durante o dia, tente adivinhar de qual atriz nós estamos falando!

Mais lidas