Dieta líquida dá certo!

Dieta líquida dá certo!

Foto: Thinkstock/Getty Images

Para compensar a comilança exagerada, entrar naquele vestido de festa ou dar uma turbinada na dieta, nada melhor do que encarar um regime emergencial composto só de líquidos. Esse tipo de dieta é ótima para desintoxicar e limpar o corpo das impurezas, facilitando o emagrecimento. De acordo com a nutricionista Fernanda Giácomo, de Campinas (SP), ingerir apenas alimentos liquidificados favorece a perda rápida de peso e, devido ao fato de o cardápio ser composto basicamente de água, verduras, legumes e frutas, ele ainda facilita a digestão e tem efeito diurético.

Outros benefícios

A nutricionista Luana Stoduto, do Rio de Janeiro (RJ), afirma que além de acelerar o emagrecimento, a ingestão de alimentos líquidos melhora o trânsito intestinal, ajuda a eliminar a barriga, combate as rugas e a celulite, melhora a circulação e o inchaço. Dentre tantos benefícios, os líquidos ainda hidratam o corpo, além de manter pele e cabelos mais bonitos e saudáveis.

Fernanda Giácomo esclarece que é permitido, sim, seguir uma dieta líquida, mas somente por pouco tempo (entre 3 a 7 dias), desde que a pessoa consuma alimentos naturais, faça várias refeições ao longo do dia e tenha o acompanhamento de um nutricionista. Quem está doente, sofre de diabetes ou hipertensão deve evitar esse tipo de dieta.

Composição nutritiva

Para que a dieta líquida seja saudável, é preciso incluir uma grande variedade de verduras, legumes, frutas e chás. Não é recomendado beber sucos industrializados ou açucarados. Trocar o leite de vaca e seus derivados pelo leite de soja também é uma boa opção. Além disso, vale o alerta para as sopas prontas, pois são ricas em sódio e podem causar inchaço. “A dieta líquida normalmente é pobre em proteínas. Mesmo adicionando um pouco de carne ou frango nas sopas, é difícil atingir as necessidades diárias”, alerta a nutricionista Fernanda Giácomo. Para complementar o valor nutricional, adicione mais grãos e leguminosas, fontes de proteína de origem vegetal.

Mais saciedade e sabor

Luana Stoduto sugere adicionar 1 colher (sopa) de farinha de linhaça, de berinjela, de banana verde, de quinoa, de gérmen de trigo ou de aveia sobre os preparados para que as fibras presentes nesses ingredientes garantam saciedade e facilitem ainda mais o trabalho do intestino. Outra dica é não coar os alimentos liquidificados, para manter o teor de fibras.

Para evitar os ataques de fome, é importante manter o corpo hidratado, tomando cerca de 8 copos (1,6l) ao longo do dia. No caso de sentir aquela necessidade por comida, é possível se saciar com 1 prato (sobremesa) de salada de folhas verdes ou 1 ovo cozido, que ajudarão a matar a vontade de comer um alimento sólido sem alterar os resultados da dieta.

Texto: Fernanda Vasconcelos Consultoria: Fernanda Giácomo, nutricionista da FR Nutri, de Campinas (SP), ) (0xx19) 3295-2331, www.frnutri.com.br; Luana Stoduto, nutricionista da InCorpore Centro de Estética, do Rio de Janeiro (RJ), ) (0xx21) 2523-5990, 8 www.incorporeestetica.com.br

 

Dieta líquida dá certo!Quer saber mais sobre as dietas líquidas? Confira a revista Dieta sem segredos – Nova dieta líquida 8 que está nas bancas a partir de 01/09.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Mais lidas