Dicas para ensinar limites aos filhos

Dicas para ensinar os filhos a ter limites

Foto: Thinkstock/Getty Images

Algumas pessoas defendem que, em algumas situações, é preciso dar “uns tapas na bunda” para que a criança aprenda o que é certo. Mas para as psicólogas Jéssica A. Fogaça e Paula Pessoa Carvalho não é necessário bater para educar. As especialistas afirmam que não é a falta de castigos físicos, mas a falta de limites e de consequências aos atos dos pequenos que faz com que alguns deles pensem que podem fazer qualquer coisa. Quer saber como impor esses limites sem bater? Veja as orientações:

1 – Fale com calma com a criança.

2 – Se estiver brava, afaste-se por alguns instantes e avise que precisa se acalmar primeiro.

3 – Fale exatamente aquilo que deseja do seu filho.

4 – Seja clara em suas colocações e repita quantas vezes forem necessárias.

5 – Explique o que a criança fez de errado e deixe-a refletindo.

6 – Peça que seu filho dê uma alternativa para melhorar o próprio comportamento.

7 – Incentive o pequeno a colocar essa alternativa em prática.

8 – Respeite seu filho.

9 – Dê exemplos de boas atitudes e comportamentos;

10 – Elogie a criança o máximo que puder.

11- Estabeleça algumas regras e explique-as.

12 – Faça com que as regras sejam cumpridas por todos da casa, inclusive pelos pais.

13 – Aplique consequências compatíveis ao não cumprimento das regras.

14 – Reforce as atitudes adequadas (por exemplo, com elogios, atenção, passeios…).

15 – Brinque com seu filho, pois as crianças também aprendem brincando.

16 – Cumpra o que prometeu.

17 – Dê alternativas para que o pequeno escolha qual a melhor maneira de fazer algo.

18 – Converse com o seu filho sobre muitas coisas, principalmente sobre ele.

19 – Escute realmente o que a criança tem a dizer.

20 – Faça programas em família.

21 – Confie na educação que você deu ao seu filho.

 

Consultoria: Jéssica  A. Fogaça e Paula Pessoa Carvalho, psicólogas comportamentais infantis da Estímulo Consultoria Psicológica. Site www.estimuloconsultoria.com.br

 

Mais lidas