Revestimentos para banheiro

Avalie
Revestimentos para banheiro

Nalupa Design

Saber qual revestimento é o mais adequado para o banheiro pode ajudar bastante na hora da reforma ou até para decorar melhor esse cantinho. Para escolher o revestimento que cabe no seu bolso, conversamos com a designer de interiores Analu Guimarães, do escritório Nalupa Design que deu várias dicas. Confira!

Revestimentos mais comuns e suas características

De acordo com a designer, os revestimentos mais comuns são porcelanatos, cerâmicas, mármores, granitos, pastilhas e ladrilhos, pois se adequam melhor a áreas molhadas em geral. Conheça as principais características de cada um:

Porcelanatos: são revestimentos cerâmicos mais estáveis do que os convencionais, pois possuem massa homogênea e uma alta resistência à abrasão física, como riscos e arranhões, e ao desgaste por produto químico corrosivo. Ao contrário das cerâmicas comuns, quando retificado, admite junta seca, dispensando o uso do rejunte, o que resulta em uma paginação mais uniforme sem tantas marcações das divisões entre as peças.

Mármores: são pedras de baixa resistência à abrasão química, mas no entanto, possuem grande valor estético com os mais belos padrões naturais.

Pastilhas: sejam de pedra natural, vidro cerâmico ou materiais mais alternativos como madeira e coco, são utilizadas nos banheiros para realce de detalhes.

Ladrilhos: são um tipo de cerâmica de forno com várias estampas coloridas. São peças muito frágeis ao uso de produtos químicos e ao risco.

Granitos: pedras mais homogêneas, compostas por minerais mais resistentes do que os mármores.

Média de preços dos revestimentos

A designer afirma que o granito preto São Gabriel é amplamente utilizado em bancadas de banheiro por sua homogeneidade e cor neutra. “O metro quadrado deste material gira em torno de R$150,00 a R$200,00. Porcelanatos de 80×80 retificados de boas marcas taxam em torno de R$69,00 a peça. Pastilhas e detalhes decorativos variam muito, dependendo da matéria-prima a qual é produzida e nível de complexidade do mosaico. Já os ladrilhos hidráulicos têm um preço muito acessível devido a fragilidade”, pontua.

Revestimento para cada tipo de decoração

Reduzindo os tipos de decoração para clássica, rústica e moderna, Analu aconselha:

Revestimentos para banheiro

Nalupa Design

*Para banheiros clássicos sugere-se o uso de pedras naturais e nobres como os mármores e granitos polidos.
*Para banheiros mais rústicos e despojados, existem vários porcelanatos com padronagem madeirada, pedras flameadas e ladrilhos hidráulicos.
*Para uma aparência mais clean, existem os porcelanatos esmaltados retificados e as pastilhas de vidro como revestimentos mais modernos.

Uso de pastilhas

Será que as pastilhas são sempre bem-vindas no banheiro? Analu conta que o uso deste revestimento deve ser intencional. “Deve-se saber como usar para não carregar o ambiente e se usar, mediante o perfil do cliente. Por isso é sempre bom ter a orientação de um profissional na compra e paginação desses revestimentos”, aconselha.

Porcelanato de madeira e cimento

De acordo com a especialista, os porcelanatos têm apresentado acabamentos cada vez mais bonitos e com padronagem de rara repetição. “Para quem gosta do aconchego da madeira ou da seriedade do cimento, mas querem um material resistente, esses porcelanatos são uma opção certeira”, indica.

Banheiro diferenciado

Nunca é uma tarefa fácil escolher o melhor revestimento para um banheiro moderno e diferenciado. Para a designer, o essencial é pesquisar e projetar, antes de tomar qualquer decisão. “Ladrilhos hidráulicos diferenciam os ambientes, mas é preciso ter ousadia. Já as pedras naturais como mármores e granitos sempre diferenciam o banheiro como espaço requintado e elegante”, conta. No entanto, granitos e porcelanatos são os materiais mais práticos no quesito limpeza e resistência.

“Escolher revestimentos é sempre uma tarefa estética e funcional complexa, pois envolvem um investimento mais considerável na obra. Por isso, é muito a importante a contratação de um profissional para a correta especificação do material bem como as argamassas e rejuntes compatíveis ao material e adequados para o tipo de suporte que receberá revestimento”, finaliza a designer.

Consultoria
Analu Guimarães – designer de interiores do escritório Nalupa Design
http://nalupadesign.com

Mais lidas