Como combinar pisos e paredes

Como combinar pisos e paredes
Avaliação 3.67 - Votos 3

Combinar não significa fazer tudo igual, certo? Criar uma harmonia de cores e texturas pode deixar seu ambiente mais agradável e com um toque de personalidade.

Os revestimentos podem criar o efeito de aconchego, amplitude, delimitar espaços e até de sugerir limpeza. Portanto, ao escolher o piso e as cores das paredes, todo cuidado interfere diretamente no resultado que se quer obter.

Primeiro, pergunte-se: qual é o objetivo que eu quero para este ambiente? Em seguida, relacione com as características que o piso e a parede pode oferecer.

Diferentes materiais

O contraste contribui bastante para valorizar os materiais, além de causar um efeito forte e de personalidade ao ambiente. Um exemplo bacana é o do piso de madeira. Se a madeira escolhida for escura, usar uma tinta clara para a parede tende a dar um efeito maior de amplitude ao espaço.

Se a escolha for um piso claro, como no caso do mármore branco, as paredes podem receber melhor os tons escuros, deixando o ambiente sofisticado sem parecer muito enxuto. Dica: ambientes maiores podem receber itens de maior contraste, enquanto um ambiente pequeno precisa de tons mais claros para dar maior efeito de amplitude.

Tipos de materiais

Pisos madeirados e as pedras são materiais que sempre estarão na moda e são diferenciados. Os laminados são uma opção econômica e bonita para os pisos de madeira e para quem não pode gastar muito com um piso de mármore, existem as opções de porcelanato com texturas naturais muito bonitas. E muito semelhantes aos materiais naturais.

Para as paredes existem os papéis de parede, pastilhas e as tintas texturizadas, que são uma opção bonita e econômica. Existem opções muito semelhantes a papéis de parede, com efeitos metalizados lindos e que valorizam o contraste entre piso e parede.

Mix de cores e texturas

A mistura de texturas deve ser elaborada com muito cuidado, pois pode causar um efeito cansativo com o tempo. Para evitar problemas, opte por um piso liso e utilize a textura nas paredes. Atualmente, a tendência está em valorizar melhor o material jogando a iluminação nas paredes.

Na hora de contrastar cores, certifique-se de que uma delas seja neutra. Dessa forma, o ambiente não ficará pesado nem cansativo com o passar do tempo.

Consultoria

Fabiana Visacro e Laura Santos, designers de interiores da VS Design. Site: http://vsdecoracao.blogspot.com.br/

Texto: Larissa Faria 

Mais lidas