As diferenças entre os tecidos do enxoval

Avalie

Se você pretende começar a montar o enxoval, deve ficar atenta às principais diferenças entre os tecidos. Muitas vezes, acabamos optando por alguns tecidos que podem trazer mais prejuízos do que lucros para a casa. Para te ajudar a fazer a melhor escolha, conversamos com a arquiteta e designer de interiores Tatiana Spencer. Confira!

Principais tecidos usados em enxovais

Segundo a designer, os tecidos mais comuns em enxovais são o algodão, percal, malha, flanela, seda, cetim e linho. Entre as principais diferenças entre eles, estão:

Lençol 100% algodão: antialérgico, é um lençol que possui 150 fios e é 100% algodão, com ótimo custo benefício;

– Lençol de algodão egípcio: a diferença deste em relação ao 100% algodão é porque o algodão é mais fino e as fibras são longas. Tem um valor mais elevado, mas sua durabilidade é maior; também são mais fáceis de passar;

– Percal: são os lençóis feitos a partir de 180 fios. Podem ser 100% algodão ou misto, 50% algodão e 50% poliéster. Este é mais acessível, mas tem um pequeno defeito: podem aparecer bolinhas com o tempo.

– Lençol de malha: este também é 100% algodão, mas tem a trama diferente dos outros. É fácil de passar, bem macio e custo ótimo.

Lençol de flanela: ótimo para os dias frios, tem um custo mais elevado e é antialérgico.

– Lençol de seda: é um tecido natural, de textura macia, mas tem um inconveniente: retém demais o calor.

Lençol de cetim: o cetim é derivado da seda, possui tramas bem fechadas, com valor menor que o da seda e ainda tem um toque macio.

Lençol de linho: retém o calor como a seda, com o tempo fica mais macio (quando a goma vai saindo) e tem um valor mais alto por ser um tecido nobre.

Shutterstock Images

Shutterstock Images

Como escolher o melhor tecido para o seu enxoval

A primeira coisa para se definir antes de comprar o enxoval, é definir a rotina do seu lar. “Alguns tecidos são mais fáceis de manter, outros precisam de uma atenção especial na lavagem”, conta Tatiana. Portanto, se você não tem muito tempo para lavar e passar, é mais interessante apostar em tecidos práticos e fáceis de manter.

O tempo livre e disponibilidade pode direcionar para diferentes tipos de tecido. “O valor que será investido também delimita as escolhas; mas se a ideia é buscar qualidade, durabilidade e praticidade, os tecidos de percal e algodão são os mais indicados para o dia a dia. Os de seda e cetim podem servir para um momento especial”, aconselha a especialista.

E para quem não quer gastar muito, os mais indicados são algodão, percal, mistos e malha.

Dicas para montar o enxoval

Não é uma tarefa fácil montar o enxoval. Afinal, escolher peça por peça para o seu novo lar pode ser bem trabalhoso. Para te ajudar nessa tarefa, a designer de interiores fez uma pequena lista para você não esquecer daquilo que é imprescindível. Anote aí:

– O que não pode faltar são pelo menos duas peças de cada item. Assim, enquanto você está lavando uma a outra está sendo usada;

– Dois jogos de toalhas completo (2 toalhas grandes, 2 de rosto, tapete);

– Dois jogos de lençóis, duas colchas, 1 edredom, 2 cobertores  e 1 manta para dias não tão frios. “Uma coisa que uso muito e indico são capas para o edredom. Além de variar a decoração da cama no inverno, você não precisa ter vários edredons, o que hoje em dia é bem complicado de ficar guardando”, pontua Tatiana;

– Travesseiros, fronhas avulsas, toalha de lavabo, 2 toalhas de mesa, panos de prato e jogo americano. “Indico bastante os jogos americanos, pois além de modernos, são práticos para o dia a dia. Você pode ter uns de plásticos que são fáceis de limpar e na hora de preparar um jantar para os amigos, por exemplo, pode usar um mais trabalhado”, conta a especialista;

– Pano de prato vale a pena ter pelo menos 6. Como é muito utilizado, em pouco tempo começa a ficar com “carinha” de gasto e velho;

– Luva térmica também é essencial;

“O estilo das toalhas, do lençóis e dos jogos americanos vão ser definidos muito pelo estilo da sua casa: clean, moderna, retrô, clássica… busque nestes itens alguma referência que tenha na sua casa. Assim, os itens do enxoval vão complementar a decoração e não chocar com o seu estilo”, finaliza a arquiteta.

Consultoria

Tatiana Spencer – Arquiteta / Interior Designer
www.tatianaspencer.com

Tags:

Mais lidas