Ellen Cardoso afirma não ter e recusado a pagar por vestido de casamento

Avalie
Ellen Cardoso nega que tenha se recusado a pagar vestido de casamento

Foto: Celso Akin/AgNews

Mais um babado envolvendo a união de Ellen Cardoso e Naldo.

A Mulher Moranguinho, afirma que não se negou a pagar pelo vestido de casamento encomendado ao estilista George Moreira, como ele tinha informado à imprensa.

Segundo a dançarina, que deverá se casar no fim de setembro, ela rejeitou os serviços de George após perceber que eles não eram compatíveis com suas expectativas. ” Quando eu fui fazer a prova do vestido no Rio de Janeiro percebi que ele havia remontado um modelo já usado. Ele usou rendas usadas. O vestido estava sujo. Deve ter pego do estoque. Na hora apenas comentei com uma camareira que aquele não era o modelo que eu havia mandado”, contou Ellen.

Ela ainda desmentiu o estilista. ” Isso tudo é muito desagradável. Meu marido comprou um carro de 250 mil e tem cachê de 160 mil. Não preciso pedir nada para ninguém. Dinheiro é o que não me falta”, explicou.

George deu sua versão dos fatos, afirmando que, além de se negar a pagar pelo vestido, a ex- dançarina ainda queria um modelo que não ficaria adequado para o seu corpo. “Ela não entende de alta-costura. Como ela nunca experimentou e está acostumada a usar roupa de funkeira, não entendeu. Se ela estivesse acostumada a usar roupa de alta-costura, saberia que uma prova é feita com tela. Ainda ia definir o corte, as rendas… É complicado. É como jogar pérolas aos porcos. E ela pode dizer que tem dinheiro, mas não pode negar que não queria pagar. Ela queria o vestido de graça. Estou há 25 anos no mercado, não precisava estar passando por isso”, desabafou o estilista.

Além disso, ele disse que quem decidiu interromper os serviços prestados foi ele, ao perceber que não poderia chegar a um consenso com Ellen. ” Dentro da alma dela ainda existe uma Mulher Moranguinho. Não sou um costureiro, sou um estilista e preciso fazer o melhor para os meus clientes. Como vi que não daria, resolvi abandonar o barco”, rebateu ele.

 

 

Mais lidas