Dicas para organizar sua mudança com tranquilidade

Avalie
Mudança com Organização

Foto: Vinícius Tupinambá/Shutterstock Images

Depois de pesquisar e visitar vários lugares, correr atrás de vários documentos e papeis, finalmente chegou a hora de poder chamar o lugar novo que você escolheu de lar. Mas ficar tranquilo mesmo você só vai ficar quando todas as suas coisas já estiverem lá.

E aí é que pode surgir uma nova dor de cabeça: a mudança! Mas tenha calma, se tudo for feito com uma organização prática, a chance de algo dar errado, quebrar ou se perder é muito menor!

+ Leia também:
Saiba como a numerologia influencia na harmonia da sua casa
Saia do aluguel: dicas para comprar a casa própria

Guia Astral contou com a ajuda de Adriana Calixto e Denise Milan, consultoras da Life Organized, para separar algumas dicas para não ter problemas na preparação e durante a mudança.

Mudança marcada. Por onde começar?

Analise o que você vai realmente usar no seu novo imóvel. “Não faz sentido levar algo que não será usado”, indicam Calixto e Milan. Os móveis que você tem vão caber na nova casa? Eles podem ser desmontados? Eles passam pelas entradas do novo local? Tudo isso deve ser planejado e medido antes da mudança para que o descarte, venda, doação ou reaproveitamento de suas coisas possa ser feito com tranquilidade e nada fique para fora.

Tenha em mente também que se você não contratou um serviço de empacotamento da empresa que vai levar suas coisas, o ideal é fazer o processo em etapas, segundo as consultoras.

Foto: Ingram Publishing/OtherImages

Foto: Ingram Publishing/OtherImages

 

Primeiramente, comece com as suas louças, pois elas exigem um cuidado maior. Coloque em plástico-bolha e não se esqueça de deixar um aviso nas caixas deixando claro que o que tem ali é FRÁGIL!

Na sequência a dica é embalar os objetos de decoração, suas roupas e por último os demais utensílios da cozinha.

Foto: Glow Images/Latinstock

Foto: Glow Images/Latinstock

Mais cuidados

Não deixe os avisos de fragilidade somente para as louças. Vasos e plantas também merecem cuidados especiais para não se quebrarem.

As roupas podem ser separadas por categorias: sapatos com sapatos, blusas com blusas, camisetas com camisetas, etc. Assim você vai ter menos dificuldade na hora de reorganizar seu guarda-roupa. Uma dica importante é separar uma mala de roupa para pelo menos dois dias, assim você não vai ter que se preocupar em mexer nas caixas imediatamente quando quiser trocar de roupa durante o processo de mudança.

Evite dores de cabeça: objetos como joias, documentos pessoais e alguma coisa que você tenha valor emocional muito grande são itens que devem ficar na sua responsabilidade.

 

 

Mais lidas